close
logorovivo2

Cabeleireira é presa com drogas nas partes íntimas ao visitar amásio em presídio

Consta no boletim policial que a suspeita, ao ser levada à Unisp, ofereceu R$ 5 mil para cada agente para que ela fosse liberada.

GAZETA CENTRAL

23 de Abril de 2018 às 09:04

Cabeleireira é presa com drogas nas partes íntimas ao visitar amásio em presídio

FOTO: (Divulgação)

Uma cabeleireira de 26 anos foi presa, na manhã deste sábado (21), por volta das 08h30, ao tentar passar com drogas nas partes íntimas durante visita ao amásio, que cumpre pena no regime fechado na Casa de Detenção da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste.

 

A suspeita teria ido visitar o amásio e, inicialmente, ao passar pelo procedimento de revista pessoal humanizada realizada por agentes penitenciários femininos, nada teria sido encontrado de posse da mesma.

 

Os agentes penitenciários (masculinos), com toda sua experiência, e por ter havido uma denúncia de que a cabeleireira levava drogas para o interior do presídio, optaram por convidar a visitante a se submeter a um exame de raio-X.

 

Ao aceitar realizar o exame, a cabeleireira foi conduzida ao Hospital Municipal Drª Laura Maria Braga, onde foi constatado pelo raio-X que ela tinha em suas partes íntimas um volume. Ele foi retirado por um médico ginecologista, e se tratava de um preservativo contendo substância aparentando ser entorpecente.

 

A mulher então foi conduzida à Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) onde, segundo os agentes penitenciários, no momento em que ela era retirada da viatura, ofereceu a quantia de R$ 5.000,00 para cada agente que a liberasse.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS