close
logorovivo2

Jesualdo denuncia preço abusivo para vacinas contra aftosa

Jesualdo denuncia preço abusivo para vacinas contra aftosa

DA REDAÇÃO

28 de Abril de 2011 às 09:20

Jesualdo denuncia preço abusivo para vacinas contra aftosa

FOTO: (Divulgação)

Ao usar a tribuna durante a Sessão Ordinária da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (27), o deputado estadual Jesualdo Pires (PSB) disse que está havendo em Rondônia abuso quanto ao preço praticado para venda de vacinas contra a febre aftosa. Jesualdo afirmou que da primeira campanha realizada em 2009 até a campanha deste ano, o valor unitário da vacina registrou aumento de 82,3%, enquanto o dólar obteve queda sucessivas.
 
“Como as vacinas são importadas, o dólar sempre foi considerado o grande vilão para os aumentos nos preços das vacinas. Na primeira campanha o dólar estava na casa de R$ 2,04. De lá para cá só houveram quedas. Nesta semana, por exemplo, o dólar está na casa de R$ 1,56. Antigamente a desculpa para o aumento era devido ao alto valor do dólar. Agora o dólar está em queda e as vacinas continuam com preços majorados”, denunciou Jesualdo.
 
O parlamentar também apresentou uma planilha de dados, mostrando que o IGPM (Índice Geral de Preços de Mercado) também não teve reajustes tão altos que justifique o aumento registrado no valor das vacinas. O IGPM no período de 2009 a 2011 obteve uma variação pequena, com índice de 13,2%.
 
O deputado ressaltou que o preço é injusto e prejudica, especialmente, os pequenos criadores de gado, pois ao comprar remessas menores de vacina acabam não tendo poder de barganhar descontos e acabam pagando preços exorbitantes.
 
“Não podemos permitir que uma questão tão séria para economia do Estado, como é o controle da febre aftosa, seja prejudicada pelo interesse mercadológico. Se o Poder Público não intervir nesta situação, não demorará muito para que os produtores deixem de vacinar seu gado devido ao preço das vacinas”, concluiu Jesualdo.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS