close

ABANDONADOS: Distrito de Abunã está sem energia e moradores denunciam prejuízos

Amostras de sangue para exame coletadas em pacientes das áreas rurais se perderam por falta de local refrigerado para a conservação do material

DA REDAÇÃO

5 de Outubro de 2019 às 12:52

ABANDONADOS: Distrito de Abunã está sem energia e moradores denunciam prejuízos

FOTO: (Divulgação)

Moradores do distrito de Abunã, pertencente ao município de Porto Velho, estão denunciando que a localidade está sem energia elétrica desde a manhã da última sexta-feira (05), fato que gerou enorme prejuízos à população local.

 

Em contato com a redação do Rondoniaovivo, eles relataram que a falta de eletricidade, fornecida pela Energisa, tem prejudicado o atendimento médico. “Uma equipe de médicos de Porto Velho que foi até lá e colheu sangue nas linhas para fazer o exame, teve todo o material perdido devido à falta de eletricidade. Foram 12 pacientes prejudicados”, informaram.

 

A situação está tão complicada que até uma festa organizada pela comunidade em conjunto com a Igreja Católica deverá não ocorrer. Segundo os moradores, por não ter padres na localidade, duas vezes por mês um grupo de religiosos vai ao local para celebrar missas, sendo que dessa vez, eles estavam preparando a Gincana Bíblica.

 

“O local onde vai acontecer precisava ser limpo, organizado e a alimentação preparada para receber os convidados. Mas, devido essa falta de energia, não está sendo possível, pois a escola onde deveria ocorrer já está sem água. As doações estão estragando é todo o trabalho que foi organizado com tempo e carinho está sendo perdido”, lamentaram.

 

Além disso, os comerciantes de Abunã, também estão tendo enormes prejuízos com essa situação. Já perderam praticamente todos os produtos que necessitam ficar congelados, como frangos, carnes e frios em geral.

 

Os moradores relataram também que uma equipe da Energisa chegou a ir no distrito onde constataram que o problema era simples de resolver. “Falaram que foi o transformador que disparou. Mas não voltaram para resolver a situação. Nossa comunidade está gritando por socorro e pede ajuda das autoridades. Estamos abandonados e a conta de energia não para de subir”, finalizaram.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS