close

DÍVIDAS: Procon promove negociação entre consumidores e várias empresas

Três guichês no segundo piso estão destinados ao atendimento sobre bancos e financeiras

SECOM - GOVERNO DE RONDÔNIA

19 de Setembro de 2019 às 14:12

DÍVIDAS: Procon promove negociação entre consumidores e várias empresas

FOTO: (SECOM-GOVERNO DE RONDÔNIA)

Nesta quinta e sexta-feira (19 e 20), o Serviço de Proteção ao Consumidor em Rondônia (Procon) promove em Porto Velho a Campanha de Negociação de Dívidas com Bancos, Financeiras e de Energia Elétrica. Das 7h30 às 18h, somente na unidade do Procon da capital, os consumidores com débito reconhecido devem procurar o órgão para regularizar a situação de negativismo com as empresas.

 

A campanha tem justamente o viés de buscar auxiliar o consumidor que está endividado com essas instituições, e que o cidadão possa reaver seu crédito na praça”, explica o coordenador estadual do Procon, Estevão Ferreira. Um dos maiores problemas contatados pelo órgão, segundo ele, é o endividamento por falta de alternativa ou formas de negociação convenientes para ambas as partes.

 

A expectativa de público no primeiro dia é que até 150 pessoas procurem o Procon para fazer a negociação. Guichês do segundo andar do prédio, onde o órgão está instalado foram especialmente designados para o atendimento aos consumidores em dívidas com bancos ou financiadoras. Já para a empresa Energisa, distribuidora de energia elétrica do estado, uma sala foi disponibilizada no terceiro andar para a negociação.

 

 

Alexandre conseguiu parcelar a dívida de energia elétrica, após várias tentativas anteriores

 

 

O agente de portaria, Alexandre dos Santos se sentiu beneficiado com a campanha. “Eles [Energisa] trocaram meu medidor de energia, e desde então, já com dois meses, não constava meu consumo, e eu fui várias vezes atrás de resolver, tanto por telefone quanto pessoalmente. Agora recentemente chegaram dois talões, com vencimento para o mesmo dia, cada um com um valor diferente. Fui lá tentar parcelar, não consegui. Ainda bem que aqui foi possível e eu consegui resolver de uma vez por todas o problema”, conta o consumidor.

 

No segundo dia, a expectativa é que a campanha alcance mais 250 a 300 consumidores, estimando uma média de 400 pessoas a serem beneficiadas com as negociações. Fora isso, o Procon continua com o atendimento normal, inclusive nos dias de campanha. Para fazer a negociação, o coordenador orienta que o consumidor compareça munido de cópias e documentos pessoais originais, como RG e CPF, além de comprovante de endereço e cópia de extratos e contratos (caso seja com bancos e financeiras), e os talões atrasados em caso de energia elétrica.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS