close

RANKING: Rondônia está em 2° lugar com menor índice de evasão de universitários

O principal motivador de evasão é a dificuldade de arcar com os custos da faculdade

ASSESSORIA

3 de Setembro de 2019 às 16:01

RANKING: Rondônia está em 2° lugar com menor índice de evasão de universitários

FOTO: (Divulgação)

A busca por qualificação profissional cresceu significativamente no Brasil nos últimos anos. Dessa forma, a necessidade de especialização contribuiu para o aumento das matrículas nas instituições de ensino superior. O crescimento de ingressantes no ensino superior foi de 48% na última década.

 

No entanto, o número de alunos que trancam matrícula ou desistem do curso ainda é bastante relevante. Levantamento feito pela Revista QB constatou por meio dos últimos dados divulgados pelo INEP que a taxa de evasão escolar do ensino superior no Brasil chegou a uma média de 27%. Isso significa que, a cada quatro estudantes que ingressam no Ensino Superior no Brasil, um não conclui a faculdade (ou 25 a cada 100 alunos). 

 

Porém, Rondônia é o segundo Estado com menor evasão, ficando atrás do Estado da Paraíba. Enquanto a média brasileira atinge 27% de evasão de alunos, Rondônia mantém 22% de abandono. 

 

Confira o ranking da taxa de evasão dos Estados do Brasil:

 

Estado

% abandono/ Estado

PB

21,2%

RO

22,1%

PI

22,1%

GO

22,5%

AC

22,9%

MG

23,2%

TO

23,3%

PA

23,8%

BA

24,1%

PR

24,3%

PE

24,6%

ES

25,3%

SC

25,8%

MA

26,5%

SP

27,5%

AM

29,0%

AL

29,1%

DF

30,0%

MT

30,5%

RJ

31,8%

CE

31,8%

AP

32,3%

RN

32,8%

MS

33,3%

SE

36,8%

RS

37,1%

RR

44,4%

 

Muitas podem ser as razões que motivam alunos a evadirem do curso que escolheram: dificuldades em desempenhar um aprofundamento de aprendizagem exigido pelo ensino superior, indisponibilidade de tempo, não identificação com o curso. Mas o principal motivador de evasão é a dificuldade de arcar com os custos da faculdade. Nem todos conseguem ingressar na faculdade por meio dos programas do governo como Prouni, Sisu ou Fies.

 

Ciente dessa realidade do brasileiro, algumas empresas conseguem parcerias com faculdades que estão com vagas ociosas nas salas de aula e que não completaram as turmas. Essas vagas são ofertadas por meio de um site e podem ser encontradas em Quero Bolsa. No site, podem ser encontradas mais de 1 milhão de vagas em mais de 1.000 instituições espalhadas por todas as regiões do Brasil.

 

O aluno pode buscar cursos de idiomas, cursos profissionalizantes e cursos de educação superior em qualquer região do país. O programa não possui vínculo com o Governo Federal, funciona de forma simples e sem burocracia.

 

A bolsa é válida para alunos que estejam iniciando o curso e ainda não tenham feito a matrícula. Mais de 500 mil alunos conseguiram iniciar seus estudos por meio do Quero Bolsa. 

 

As inscrições são realizadas por meio do site www.querobolsa.com.br.  

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS