close
logorovivo2

CHEIA: Rio Mamoré ultrapassa cota de alerta e deixa desabrigados

A Defesa Civil portovelhense realiza o trabalho de desmonte das barracas

DA REDAÇÃO

17 de Abril de 2019 às 08:52

CHEIA: Rio Mamoré ultrapassa cota de alerta e deixa desabrigados

FOTO: (Divulgação)

A cheia do rio Mamoré, na cidade de Guajará-Mirim, interior do estado de Rondônia, vem deixando famílias desabrigadas e já alcança diversos bairros. De acordo com a Defesa Civil, até o momento cinco famílias tiveram que deixar suas residências.

 

De acordo com o Sistema de Proteção da Amazônia – SIPAM, o rio Mamoré, na cidade de Guajará-Mirim, registrou 11,23 metros pela manhã desta quarta-feira (17).  A sua cota de alerta é de 11,18 metros, fato que já mobiliza as autoridades locais para a necessidade de uma ação mais ampla nessa localidade.

 

Já em Porto Velho, a cheia parece ter sido algo superado em 2019, segundo a coleta do SIPAM o rio Madeira marca na manhã desta quarta-feira(17), o nível de 15,71 metros. A cota de alerta é de 16,68 metros, o que já vem tranquilizando a comunidade.

 

A Defesa Civil portovelhense realiza o trabalho de desmonte das barracas e estruturas montadas para abrigar a comunidade afetada com a cheia, além de acompanhamento no retorno dos moradores desabrigados às suas residências.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS