close
logorovivo2

“Principal desafio é fazer valer a convenção”, diz presidente do SINPRO-RO

A data base da negociação é abril

ASSESSORIA

20 de Fevereiro de 2018 às 15:36

“Principal desafio é fazer valer a convenção”, diz presidente do SINPRO-RO

FOTO: (Assessoria)

O Sindicato dos Professores de Instituições de Ensino Superior Privadas do Estado de Rondônia (SINPRO-RO), realizou nesta segunda-feira (19) uma Assembleia Geral Extraordinária para discutir com a base a minuta da convenção coletiva deste ano.
 

A data base da negociação é abril.



Segundo o presidente do SINPRO-RO, Prof. Luizmar Neves, em entrevista na página do sindicato no Facebook durante a assembleia foram discutidos pontos como reajuste salarial levando em conta o cenário econômico.



“Analisamos todos os pontos que devem ser analisados, o cenário econômico, a dificuldade das instituições na captação de alunos, bem como a diminuição do número de professores”, declarou o presidente.



O Prof. Luizmar Neves ressaltou que os professores do ensino superior privado ganham pouco no estado de Rondônia.



“Nós sabemos das dificuldades das instituições, mas as instituições contratam de acordo com o número de alunos, ou seja, se há poucos alunos, haverá poucos professores, logo a folha de pagamento é menor. Esse não será um ponto negativo para dar um reajuste salarial justo aos professores”, afirmou o presidente.



Ele ainda lembrou que há anos os professores não têm um reajuste salarial satisfatório.



“Os professores do nosso estado tem um salário baixo, nós conquistamos muito nos últimos três anos, desde o início da nossa gestão, mas ainda há muito para ser conquistado. O que nós montamos aqui hoje foi o razoável, nada discrepante, nada absurdo”, ressaltou o Prof. Luizmar.



Sobre os desafios da negociação desse ano o presidente afirmou que o principal deles será fazer a convenção ser aplicada.



O principal desafio é fazer valer o que já está expresso e com que esse novo entendimento seja executado. Essa nova lei trouxe várias mudanças, vários pontos de discussão que ainda vamos travar com as instituições, mas no final, com a convenção coletiva já homologada o maior desafio será o de fazer valer as condições de trabalho de nossa categoria”, declarou.



O Prof. Luizmar agradeceu ainda aos professores que estiveram presentes na assembleia.



“Eu quero agradecer a todos os professores que vieram a assembleia, muito obrigado. Aos que não vieram nossa primeira rodada de negociação será em abril e se tivermos um reajuste considerado satisfatório levaremos em assembleia para aprovação ou não”.



O presidente fez ainda um um convite aos professores que ainda não são filiados ao SINPRO-RO.



“Vou aproveitar para pedir que os professores que não são filiados filiem-se ao SINPRO-RO, é importante não somente a filiação da categoria bem como a participação na luta por melhorias. Vemos o sindicato patronal se organizando, pedindo para os empresários se filiarem. Os trabalhadores têm que se organizar da mesma forma. Um sindicato forte é um sindicato com os professores filiados, filie-se e fortaleça a categoria”, encerrou o presidente. 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS