close
logorovivo2

Nota de Esclarecimento - Polícia Militar

o assessor do deputado paramentado em simulacro de uniforme policial

DA REDAÇÃO

15 de Julho de 2017 às 09:51

Nota de Esclarecimento - Polícia Militar

FOTO: (Divulgação)

 

NOTA POLICIA MILITAR

 

A polícia militar do Estado de Rondônia vem a público informar que a matéria publicada no site Rondoniaovivo na data de hoje, não condiz com realidade uma vez que conforme pode ser observado pela imagem publicada na própria matéria, onde mostra que o cidadão não está à utilizar o uniforme da Polícia Militar e sim uma roupa com corte similar, porém, de cor preta, muito comum a diversos jornalistas e fotógrafos da área policial, inclusive também comum entre vigilantes (vigias noturnos).

 

 

 
 

O fato do mesmo aparecer em imagens junto a Policiais Militares se dá devido o acompanhamento dele, demais jornalistas e curiosos ao local da ocorrência, no intuito de levar notícias aos sites e demais canais de informação.

 

 
 

O Comando da Polícia Militar está tomando providências no intuito de averiguar toda e qualquer informação que seja relevante para a manutenção da ordem pública e da preservação de sua imagem perante a sociedade.

 

 
Os números apontam que nossos Policiais estão entre os mais bem preparados do país, e quem ganha com isso é a sociedade que pode contar com um serviço de qualidade prestado pela força de segurança pública estadual.
 
NOTA REDAÇÃO - A reportagem produzida pelo Painel Politico mostra em imagens o assessor parlamentar do deputado estadual Jesuino Boubaid  paramentado em simulacro de uniforme policial, ostentando inclusive brasão do 1º Batalhão na gandola, portando um facão e boné da PM.
 
Um verdadeiro simulacro de Policial. Engana todos na rua que estão envolvidos em ocorrencias policiais. 
 
O assessor parlamentar NÂO trabalha em nenhum veiculo de comunicação como alegado na nota da PM. Alguns reporteres policiais usam uma jaqueta, mas não 'uniforme tático operacional'
 
O homem de confiança do deputado Jesuino também já foi preso por furto. Com certeza deputado não puxou a ficha do seu assessor antes de contratá-lo.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS