close

Suposto integrante da Liga dos Camponeses Pobres é preso portando revólver

Os militares do GOE relataram que realizavam patrulhamento rural nas imediações de conflito agrário na região do município de Mirante da Serra, próximo à fazenda Boi Oitenta.

GAZETA CENTRAL

22 de Fevereiro de 2017 às 10:20

Suposto integrante da Liga dos Camponeses Pobres é preso portando revólver

FOTO: (Divulgação)

 Um homem de 46 anos foi preso por policiais do Grupamento de Operações Especiais (GOE), no final da tarde da terça-feira (21), por porte ilegal de arma, ao ser flagrado com um revólver de numeração raspada na cintura. O fato ocorreu em um bar na esquina da linha 76 com a RO-470, conhecida como linha 81, zona rural do município de Mirante da Serra.

Os militares do GOE relataram que realizavam patrulhamento rural nas imediações de conflito agrário na região do município de Mirante da Serra, próximo à fazenda Boi Oitenta. Explicaram que ao proceder abordagem em algumas pessoas que se encontravam em um bar na esquina da linha 76 com a RO-470, vieram a encontrar na cintura de um deles uma arma de fogo.

Com o suspeito foi localizado um revólver marca Rossi, calibre 38, de cor prata, com a numeração raspada e com sete munições intactas. Ao ser questionado sobre a documentação e o porte da arma, o mesmo disse não possuir e argumentou que a utilizava para sua proteção, e que, faz parte da Liga dos Camponeses Pobres de Rondônia (LCP-RO) e é um dos coordenadores do Acampamento Fidel Castro II.

Diante dos fatos, os policiais militares deram voz de prisão ao suspeito e o conduziram à Delegacia de Polícia Civil de Ouro Preto do Oeste, onde foi entregue ao comissário de plantão juntamente com a arma, munições e seus pertences.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS