close

SAMARITANA - Escola com mais de 60 anos de tradição está abandonada

Porém, de acordo com representantes do grupo maçônico proprietário do imóvel, o prédio foi entregue, mas o governo não cumpriu cláusulas contratuais que obrigava a reforma do espaço.

DA REDAÇÃO

20 de Junho de 2016 às 17:22

SAMARITANA - Escola com mais de 60 anos de tradição está abandonada

FOTO: (Divulgação)

O prédio que antes abrigava uma das mais tradicionais escolas públicas do estado de Rondônia há 60 anos, a Escola Estadual Samaritana está abandonado e sem nenhuma intervenção dos gestores responsáveis pelo local.

A antiga escola agora serve como abrigo de usuários de crack e moradores de rua que perambulam pelo Centro de Porto Velho.

De acordo com a SEDUC (Secretaria de Educação do estado de Rondônia), o imóvel era alugado pelo governo do estado, porém pertence à Maçonaria Grande Oriente do Brasil, ele foi devolvido aos seus donos por não apresentar mais condições estruturais em seu espaço físico.

Porém, de acordo com representantes do grupo maçônico proprietário do imóvel, o prédio foi entregue, o governo não cumpriu cláusulas que correpondia com reforma do espaço.

VEJA TAMBÉM: 

ABANDONO – Posto de Saúde serve até de ‘baia’ para cavalo - VÍDEO

 

Abandonado, o local foi alvo de bandidos que saquearam levando forros, janelas, rede elétrica, entre outros materiais. A depredação é visível no prédio, e a comunidade que mora no entorno sente medo de passar por perto da área.

Ainda de acordo com os maçons, uma saída legal será buscada para que se resolva esse imbróglio com o governo do estado.

Todos os alunos matriculados na Escola Samaritana foram realocados para a unidade da escola pública Padre Moretti, na capital. Não existe nenhum projeto de revitalização ou de reconstrução do centro educacional que faz parte da história escolar da capital rondoniense.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS