close
logorovivo2

CAOS - Mulheres esperam por leito jogadas no chão de maternidade

CAOS - Mulheres esperam por leito jogadas no chão de maternidade

DA REDAÇÃO

22 de Março de 2016 às 14:17

CAOS - Mulheres esperam por leito jogadas no chão de maternidade

FOTO: (Divulgação)

As cenas não são de sangue, mas podem chocar o leitor. Fotos enviadas à redação do Rondoniaovivo.com mostram a realidade na maternidade do Hospital de Base, em Porto Velho, maior centro de atendimento a parturientes no estado.

Nas imagens, tiradas com um telefone celular de uma acompanhante, aparecem três mulheres em situações humilhantes.

Uma delas, grávida de nove meses, espera a hora de entrar na sala de cirurgia deitada no chão da unidade. Em outra, a parturiente, já com o bebê no colo, espera por um leito para repousar, enquanto fala ao telefone.

Na terceira imagem, aparece o corredor lotado de macas, onde mais pacientes esperam por atendimento.

Segundo a acompanhante de uma das pacientes e autora da denúncia, que por questões obvias não terá o nome publicado nesta reportagem, essas cenas se repetem diariamente. A direção do Hospital nega.

Joelma Sampaio, diretora geral adjunta, reconhece que o número de pacientes, em determinados dias, é maior que o de leitos, mas que jamais faltaram macas para as pacientes deitarem.

Essa paciente que aparece deitada no chão, fez isso de propósito. Ele deitou e pediu para alguém fazer foto com a intenção de denegrir a imagem do hospital”, acusou a diretora.

Ainda segundo Joelma, por maior que seja a equipe de atendimento, as filas de macas nos corredores não vão acabar. Ele justifica dizendo que naquele momento, as pacientes estão aguardando avaliação médica.

A maternidade do Hospital Ary Pinheiro dispõe de 60 leitos e outras 15 macas improvisadas nos corredores.

 

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS