close
logorovivo2

Polícia Ambiental prende proprietário de carvoaria

Polícia Ambiental prende proprietário de carvoaria

DA REDAÇÃO

9 de Outubro de 2015 às 11:15

Polícia Ambiental prende proprietário de carvoaria

FOTO: (Divulgação)

A Polícia Militar Ambiental prendeu na tarde desta quarta-feira (7) o proprietário de uma carvoaria e o dono de um caminhão carregado de carvão. O fato ocorreu por volta das 17h17m na Avenida Marechal Deodoro da Fonseca, Bairro Industrial, município de Ouro Preto do Oeste, saída para Vale do Paraiso.

Segundo a Polícia, a ação se deu após uma denúncia e quando chegaram ao local se depararam com um caminhão marca Mercedes Benz, carroceria aberta, parado em frente a residência do denunciado, carregado de carvão. Os militares também localizaram dois fornos de fabricação de carvão naquela propriedade, porém apenas um estava em funcionamento com madeira em seu interior estando em processo de finalização.

Ao irem à residência do dono da carvoaria, a esposa do mesmo relatou que ele teria acabado de sair para fazer entrega de carvão, e minutos depois o suspeito retornou de moto com uma carretinha já vazia, onde afirmou estar realizando entrega de carvão na cidade.

O proprietário do local informou à Polícia que o forno tem capacidade para 70 sacos de 50 litros e que estava cheio. Disse ainda que adquiriu a empresa de carvão do seu sobrinho que trabalha na fabricação e comércio de carvão há aproximadamente três anos. Afirmou também que a empresa não possuía documentos.

Os Policiais deram voz de prisão ao dono da carvoaria e o motorista os conduzindo a Delegacia de Polícia Civil juntamente com o caminhão e a carga de carvão, ficando o restante do material apreendido no local da ocorrência. Tanto o proprietário do caminhão quanto o dono da carvoaria apresentaram um documento de origem florestal que teria vencido na última terça-feira (6). O documento era destinado a comercialização direta ao consumidor, contudo parte da carga já havia sido comercializada.

Os suspeitos foram autuados por envolvimento na prática de crimes ambientais, conforme previsto nos Artigos 46 e 60 da Lei 9.605/ 1998 – Construir e fazer funcionar serviços potencialmente poluidores, sem licença e transporte irregular de carvão.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS