close
logorovivo2

Alta Floresta reconhece apoio do Governo do Estado

O município de Alta Floresta do Oeste, na Zona da Mata rondoniense, transformou seu cotidiano durante quatro anos do Governo Confúcio Moura.

DA REDAÇÃO

19 de Dezembro de 2014 às 16:24

Alta Floresta reconhece apoio do Governo do Estado

FOTO: (Divulgação)

O município de Alta Floresta do Oeste, na Zona da Mata rondoniense, transformou seu cotidiano durante quatro anos do Governo Confúcio Moura. O período foi marcado pela melhoria de suas condições de vida econômica e social, beneficiadas com uma série de obras de infraestrutura urbana e rural, entre as quais o asfaltamento de vias públicas, estradas vicinais, construção de pontes, entre tantos outros serviços e obras que custaram mais de R$ 8 milhões.


Em que pese a importante obra de asfaltamento de mais de dez quilômetros de ruas que embelezaram e melhoraram a dinâmica do tráfego da cidade, as obras da ponte sobre o Rio Branco e a pavimentação asfáltica da linha P50 são consideradas as mais importantes. Elas eram as mais antigas reivindicações da comunidade local.


A ponte de concreto armado substituiu à antiga, de madeira, que exigia constantes reparos. Da mesma forma, com o dinheiro destinado a Alta Floresta, o Governo Estadual construiu e entregou à comunidade 17 quilômetros de asfalto da linha P50, obra da mais alta importância do ponto de vista social, pelas ligações que possibilita, por facilitar o transporte escolar, e principalmente pelo alcance econômico, em função do escoamento da produção agropecuária. O município se destaca como produtor de grãos, está entre os maiores na bovinocultura – carne, leite e derivados.


ESCOLA JK - O setor educacional ganhou a reforma e a ampliação da Escola Juscelino Kubitschek, que além das salas já existentes recebeu mais cinco, duas das quais para o Programa Mais Educação, duas para aulas de reforço e uma para o Atendimento Educacional Especializado e estudantes com deficiência auditiva.


Considerada a segunda maior escola do município, a Escola JK, atualmente com 712 alunos matriculados nos três turnos, atende a alunos dos ensinos fundamental e médio, com bom aproveitamento e mínima evasão escolar, o que é motivo de orgulho para sua direção.
Para o diretor da escola, Gilmar Giacomini, é preciso reconhecer o apoio governamental à cidade. Educadores, alunos e pais de alunos têm semelhante opinião a respeito das melhorias recebidas. “Aqui e em outros municípios, o Governo se esforçou para dotar a Educação dos melhores recursos, garantindo assim um aprendizado à altura das necessidades e condizente com a realidade de educandos e educadores. “Essa prática é muito boa pra nós educadores, e principalmente para os alunos”, assinalou.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS