close
logorovivo2

Polícia Ambiental apreende armas de fogo e animal silvestre abatido

No interior do veículo após uma revista minuciosa foi localizada outra arma do tipo garrucha calibre 22, sendo assumida pelo segundo agente Gilmar Medeiros com sendo de sua propriedade.

DA REDAÇÃO

16 de Setembro de 2014 às 11:03

Polícia Ambiental apreende armas de fogo e animal silvestre abatido

FOTO: (Divulgação)

Na noite de sábado (13) por volta das 19h3omin, uma equipe de patrulhamento Ambiental com apoio de policiais do GOE (Grupo de Operações Especiais) encontrava-se em missão de fiscalização no entorno da Serra dos reis com intuito de coibir a extração ilegal de madeiras e  caça a animais silvestre, devido a constantes denúncias que na reserva pessoas praticam delitos dessa natureza.

O patrulhamento ambiental já nas mediações da linha 72, quando no final da linha adentraram em uma propriedade que do acesso para a linha 66, deparou-se com um veiculo HYLUX de cor branca, onde o condutor do carro empreendeu fuga ao perceber que haviam policiais no local,onde o veículo foi acompanhado, e em dado momento no meio a pastagem o veículo parou e o agente Gilmar Medeiros de Lima desceu e saiu correndo com duas espingardas sendo interceptado com as armas: (uma espingarda calibre 12 e a outra uma espingarda de calibre 32).

O condutor do veículo que foi identificado por Victor José Pinheiro que também havia sido detido por outros integrantes da guarnição onde recebeu voz de prisão após constatarem um animal silvestre do tipo capivara já abatido dentro da correria do veículo HYLUX.

No interior do veículo após uma revista minuciosa foi localizada outra arma do tipo garrucha calibre 22, sendo assumida pelo segundo agente Gilmar Medeiros com sendo de sua propriedade.

Diante dessas informações os policiais deslocaram se até a sede da fazenda onde localizaram outra arma calibre 38 apresentada pelo primeiro agente Victor José Pinheiro, as armas que tinha registro estavam vencidas sendo todas apreendidas.

Os agentes receberam voz de prisão por estarem incursos na prática de crime ambiental de caça ilegal e porte ilegal de arma de fogo, o animal silvestre apreendido foi incinerados após o flagrante.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS