close
logorovivo2

Hospital de Câncer em Cacoal é credenciado a fazer tratamentos pelo SUS

Hospital de Câncer em Cacoal é credenciado a fazer tratamentos pelo SUS

DA REDAÇÃO

19 de Maio de 2014 às 16:40

Hospital de Câncer em Cacoal é credenciado a fazer tratamentos pelo SUS

FOTO: (Divulgação)

O chefe de Gabinete da Procuradoria-Geral de Justiça, Promotor de Justiça Éverson Antônio Pini, participou na sexta-feira, dia 16 de maio, da solenidade de homologação das portarias do Ministério da Saúde que credenciam o Hospital São Daniel Comboni, no município de Cacoal, a realizar tratamentos de quimioterapia e radioterapia aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) e a garantia de recursos repassados pelo Governo de Rondônia, mensalmente, para sua manutenção. A solenidade contou com a presença do governador de Rondônia, Confúcio Moura; do secretário de Estado da Saúde, Williames Pimentel, e várias outras autoridades civis e militares.
O Promotor de Justiça Éverson Antônio Pini, que representou o Procurador-Geral de Justiça, Héverton Alves de Aguiar, na solenidade, ressaltou que o Ministério Público de Rondônia sempre apoiou o credenciamento do Hospital São Daniel Comboni junto ao SUS, entendendo a importância da Instituição para o tratamento de pacientes com câncer, não só de Cacoal, mas de todo o Estado e do Brasil. “Nesse sentido, o Ministério Público de Rondônia firmou um Termo de Cooperação com a Associação São Daniel Comboni para realizar um trabalho, objetivando o credenciamento do hospital junto ao SUS”, afirmou Éverson Antônio Pini.
O Presidente da Associação São Daniel Comboni, Claudemir Borghi, agradeceu o apoio recebido do Ministério Público na luta para tornar o hospital credenciado ao SUS. Em 2013, o hospital realizou 28.062 procedimentos. Além de oferecer serviços para o tratamento do câncer, seja quimioterapia, radioterapia, consultas oncológicas, campanhas e exames preventivos, o Hospital São Daniel Comboni pretende se tornar uma referência para a região norte em Cardiologia. “Realizamos, por dia, uma média de 120 atendimentos, entre consultas e tratamentos de radioterapia e quimioterapia”, enfatizou Claudemir Borghi.
Desde a idealização do seu projeto, por Padre Franco Vialetto, o São Daniel Comboni, sendo um Hospital Filantrópico, sem finalidades lucrativas, passou a contar com o apoio de lideranças políticas, empresários, maçonaria, Governo de Rondônia, ONGs italianas, mas principalmente, da população de Cacoal e dos demais municípios de Rondônia, e até mesmo de outros estados vizinhos, que se empenharam através de doações, promoções, mutirões, além de apoio através de mão de obra para a construção do hospital.
À Assdaco cabe administrar toda a ajuda e os recursos recebidos, garantindo, a cada dia, que o hospital se mantenha firme em seus propósitos. O que tem dado certo.
Para o governador Confúcio Moura, “Rondônia dá um passo muito grande no tratamento contra o câncer. O Hospital São Daniel Comboni atende pacientes de todo o estado, além de estados vizinhos, como Acre e Mato Grosso”.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS