close
logorovivo2

Após bater carro ex-vereador é preso acusado de dirigir embriagado, ameaçar e ofender policiais

Após bater carro ex-vereador é preso acusado de dirigir embriagado, ameaçar e ofender policiais

DA REDAÇÃO

22 de Abril de 2014 às 09:14

Após bater carro ex-vereador é preso acusado de dirigir embriagado, ameaçar e ofender policiais

FOTO: (Divulgação)

Jaru, Rondônia - Foi recolhido à  Casa de Detenção local o ex-vereador do município de Jaru ,Celso Rosa Rocha, mais conhecido como vereador Celsinho. 

Celsinho foi preso em flagrante pela Policia Militar na madrugada desta segunda feira (21) após colidir com seu veículo em um muro. Segundo a polícia, ele  dirigia embriagado. Celsinho ainda foi acusado de desacato, pois teria proferido  diversos palavrões e ofensas aos policiais que o prenderam.


De acordo com a declaração dada à  polícia por Celsinho, ele estava em uma festa na AABB quando se envolveu em uma briga,  que acabou evoluindo para vias de fatos, sendo que a partir de então os demais envolvidos evadiram-se, e ele, na intensão de encontrá-los ,  saiu em perseguição,  vindo a perder o controle de seu veículo e bater em um muro de uma residência na Rua Rio de Janeiro, setor 03.

Segundo consta no histórico do Boletim de Ocorrência de nº 1401-2014, os policiais militares encontraram Celsinho bastante alterado e visivelmente embriagado, sendo este conduzido ao Posto da PRF para ser submetido ao teste do bafômetro, onde fora constatado o índice de 0.90 MG/L. De acordo com os policiais, durante todos os procedimentos o ex-vereador teria feito várias ameaças e ofensas a eles, com palavras de baixo calão, dizendo que a polícia “não passa de um bando de filhos de uma p..”, ofendendo até mesmo o comandante geral,  o chamando de cachorro. E dando seguimento a seus ataques verbais , Celsinho entre outras agressões , teria atribuído aos policiais que fizeram sua abordagem, a autoria da sequência de homicídios que vem ocorrendo na cidade. Diante dos fatos,  Celsinho foi conduzido a delegacia de Polícia Civil, onde foi flagranteado pelo delegado de plantão pelo crime de embriagues na direção e desacato.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS