close

Pais de adolescentes querem fortalecer luta pelos direitos humanos na capital

Pais de adolescentes querem fortalecer luta pelos direitos humanos na capital

DA REDAÇÃO

19 de Agosto de 2011 às 09:47

Pais de adolescentes querem fortalecer luta pelos direitos humanos na capital

FOTO: (Divulgação)

Sensibilizados através do Projeto Roana, executado pelo Centro de Defesa da Criança e do Adolescente Maria dos Anjos (CDCA-RO), pais, mães e responsáveis por adolescentes em conflito com a lei estão preparando uma mobilização, com o objetivo de convidar mais responsáveis para se juntarem na luta contra as violações de direitos humanos que ocorrem nas unidades de internação socioeducativas, em Porto Velho.

“Unidos teremos mais condições de ajudar nossos filhos, principalmente os que estão internados, precisamos assegurar-lhes seus direitos de cidadão”, destaca uma das mães que integra o grupo.

Durante uma reunião realizada no último sábado (13), na Escola Municipal Francisco Erse – Colégio Padrão (espaço cedido voluntariamente), uma dezena de pais discutiu a viabilidade de fortalecer o grupo já existente e com o apoio do Projeto Roana, programaram visitas nas unidades de internação, para chamar outros pais para participar das reuniões do grupo.

“Muito bom participar destas reuniões. Se a gente não se unir não vamos conseguir nada”, defende outra mãe. “sabemos que muitas famílias estão vivendo este problema em Porto Velho, parece um mal que esta se alastrando entre os adolescentes e precisa ser enfrentado”, ressaltou outro pai que apóia o fortalecimento do grupo.

De acordo com a coordenadora do Roana, Maria de Fátima Ramalho, esta é o quarto encontro do Projeto que a cada segundo sábado do mês, reúne responsáveis por adolescentes em conflito com a lei. O grupo está em fase de formação e a cada reunião tenta fortalecer o conceito de união.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS