close

SEMUSB - Secretário Jair Ramires esclarece caso dos combustiveis e suposta agressão

SEMUSB - Secretário Jair Ramires esclarece caso dos combustiveis e suposta agressão

DA REDAÇÃO

29 de Junho de 2011 às 12:48

SEMUSB - Secretário Jair Ramires esclarece caso dos combustiveis e suposta agressão

FOTO: (Divulgação)

Uma suposta agressão verbal de um secretário do município contra servidores públicos foi destaque na imprensa rondoniense, graças a um boletim de ocorrência policial registrado no 2º DP. O Rondoniaovivo foi na manhã desta quarta-feira (29) ouvir o acusado, secretário da Semusb que esclareceu alguns pontos do caso, entre eles o dano ao patrimônio público.
Segundo Jair Ramires, tudo começou quando o secretária da Semad, Joelcimar Sampaio determinou aos funcionários que não fosse mais abastecido veículos a disposição da prefeitura de Porto Velho que não possuem placa do município. As bombas de combustível ficam dentro da Semusb.
O impedimento veio de uma lei municipal, proposta ainda pelo então vereador Herminio Coelho para impedir a circulação de veículos de outros estados nos trabalhos das Usinas.
Por volta de 9h30, uma fila de caminhões caçamba havia se formado em frente da Semusb. “Fui até a sala da Semad aqui no anexo e pedi que liberassem os caminhões, que tem um cronograma apertado na limpeza da cidade”. De acordo com Ramires, de nada adiantou. O funcionário só respondia “ Estou cumprindo ordens”.
Por volta de 11hs, com uma grande fila na porta de secretaria, Jair teria retornado a sala da Semad e “pedi que fizessem um documento onde eu me responsabilizava pelo abastecimento, assim como abrissem pelo menos dez dias de prazo para a regularização dos terceirizados perante o Detran. Assim o serviço em andamento não iria parar” De novo, veio a resposta. “estou cumprindo ordens”.
Neste momento o secretário, que havia tentado sem sucesso falar com a secretária Joelcimar alega que admoestou o servidor e na saída, seu pé enroscou no fio do computador, que provocou a queda do aparelho no chão. “É mentira que eu tenha jogado a máquina no chão. Foi um acidente” afirma Jair.
Ato contínuo, Ramires fechou o portão da Semusb para provocar a vinda de Joelcimar ao seu gabinete, onde em menos de 20 minutos, com a presença do secretária, tudo foi resolvido. Atualmente, os caminhões estão abastecendo e estão com processo de emplacamento em Porto Velho em andamento. “Eu lamento que e historia tenha saído distorcida pela imprensa. Tudo o que fiz foi para não deixar parar os serviços em pleno verão.” Finalizou Ramires.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS