close
logorovivo2

Ministério da Saúde repassa R$ 120 mil para prefeitura de Porto Velho combater morte no trânsito

Porto Velho está nesta lista e receberá ainda no final desse quadrimestre de 2010 o valor de R$ 121.875,00 (Cento e Vinte um mi, Oitocentos e setenta e cinco reais). A capital de Rondônia vem durante os últimos anos apresentando índices alarmantes de acid

DA REDAÇÃO

27 de Dezembro de 2010 às 15:55

Ministério da Saúde repassa R$ 120 mil para prefeitura de Porto Velho combater morte no trânsito

FOTO: (Divulgação)

O ministro da saúde, José Gomes Temporão, anunciou através de portaria publicada no D.O.U (Diário Oficial da União) desta segunda-feira (27), que Governo Federal, através do Ministério da Saúde que irá repassar ainda no final desse ano, a quantia de R$ 3.000,000,00 (Três Milhões de Reais) para 16 capitais do país para combater a mortandade no trânsito.
O investimento é um incentivo para a continuidade e sustentabilidade para as ações do “Projeto de Redução da Morbimortalidade por Acidentes de Trânsito - Mobilizando a Sociedade e Promovendo a Saúde".
Porto Velho está nesta lista e receberá ainda no final desse quadrimestre de 2010 o valor de R$ 121.875,00 (Cento e Vinte um mi, Oitocentos e setenta e cinco reais). A capital de Rondônia vem durante os últimos anos apresentando índices alarmantes de acidentes de trânsitos fatais.
Muitos desses acidentes são os resultados de uma combinação explosiva que soma imprudência, falta de logística, sinalização precária, aumento da frota e um estrangulamento das principais avenidas da cidade.
No inicio de 2010 o Juiz Alexandre Miguel, que acatou ação civil pública ajuizada pelo Promotor de Justiça Geraldo Henrique Ramos, da 5ª Promotoria de Justiça da Probidade Administrativa e Defesa do Patrimônio Público, exigiu que a Prefeitura de Porto Velho apresentasse um projeto técnico de sinalização de trânsito e que desse inicio as obras em no maximo 60 dias.
Por enquanto os moradores continuam tendo que conviver com um trânsito complicado e conturbado onde os acidentes são constantes e as fatalidades rotineiras.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS