close
logorovivo2

Cahulla diz em Pimenta Bueno que incentivos fiscais devem ser mantidos para gerar empregos

Cahulla diz em Pimenta Bueno que incentivos fiscais devem ser mantidos para gerar empregos

DA REDAÇÃO

3 de Setembro de 2010 às 08:36

Cahulla diz em Pimenta Bueno que incentivos fiscais devem ser mantidos para gerar empregos

FOTO: (Divulgação)

Durante reuniões em empresas de Pimenta Bueno, nesta quinta-feira, o candidato a governador João Cahulla reafirmou que a política de incentivos fiscais às empresas deve ser mantida e ampliada, como forma de assegurar novos investimentos, ampliação dos já existentes e, principalmente, assegurar a geração de novos empregos.
 
“Oferecer incentivos é o caminho para que nossas empresas cresçam, que novos empreendimentos se instalem, que novos postos de trabalho sejam criados. Nossa gestão brigou junto ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) para manter os incentivos, por entendermos que é importante assegurar os investimentos e os postos de trabalho”, disse Cahulla.
João Cahulla, acompanhado dos candidatos ao Senado, Ivo Cassol e Melki Donadon, e de candidatos a deputado da coligação Avança Rondônia, visitou pela manhã a Ciclo Cairu, empresa pioneira na fabricação e montagem de bicicletas em Rondôna, que hoje gera quase 1.000 empregos. “Aqui, os empresários tinham convites para mudar a empresa de Rondônia para outros Estados, mas a gestão Cassol/Cahulla intercedeu e, através de incentivos fiscais manteve a empresa e os empregos em Rondônia”, observou.
 
Cahulla disse ainda que de nada adianta conceder incentivos, gerar empregos e renda, se a economia do Estado como um todo, não oferecer as condições necessárias à manutenção e ao crescimento dos empreendimentos. “Por isso, é fundamental mantermos os investimentos no setor produtivo, em infraestrutura. De que adianta produzir e não ter mercado local para absorver essa produção? Tem que ter economia forte, dinheiro no bolso do povo para comprar e gerar impostos e mais empregos”, observou.
 
O candidato se reuniu com empresários e funcionários de empresas de confecções, já que Pimenta Bueno é o pólo têxtil Rondônia. “O setor recebeu também incentivos fiscais para ampliar os negócios, o que gerou novos empregos e estimulou o aumento das empresas”, declarou.
 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS