close

Beneficiários do programa bolsa família participam de audiência no bairro industiral em Rolim de Moura

A Secretaria Municipal de Ação Comunitária, através da Coordenação do Programa Bolsa Família de Rolim de Moura, promoveu durante a tarde desta quinta-feira, 13, mais uma audiência pública com beneficiários atendidos pelo programa do Ministério do Desenvol

DA REDAÇÃO

18 de Maio de 2010 às 05:00

Beneficiários do programa bolsa família participam de audiência no bairro industiral em Rolim de Moura

FOTO: (Divulgação)

A Secretaria Municipal de Ação Comunitária, através da Coordenação do Programa Bolsa Família de Rolim de Moura, promoveu durante a tarde desta quinta-feira, 13, mais uma audiência pública com beneficiários atendidos pelo programa do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à fome. O encontro aconteceu às 16:00h, no Clube do Kluska - localizado no bairro Industrial.       Destinado às mães que moram no bairro Industrial, todos foram alertados sobre a necessidade da permanência na escola e do cumprimento da agenda de saúde para a manutenção do benefício.

“Mesmo sendo insignificante o numero de evasão nas escolas, procuramos frequentemente cobrar dessas mães a responsabilidade no acompanhamento escolar dos filhos”, destacou Paola Gasques – Coordenadora do Programa Bolsa Família em Rolim de Moura. A audiência teve como objetivo acompanhar e esclarecer dúvidas referente ao programa do governo federal. Além disso, o encontro contou com uma palestra relacionada à saúde - ministrada pela nutricionista Djenane e uma confraternização no encerramento do encontro. Segundo a Secretária de Ação Comunitária, Ana Maria Ferraz, cerca de 90% dos convidados compareceram ao evento, onde foi destacado a responsabilidade e autoridade dos pais em relação aos filhos.

“Hoje o município contém mais de 4 mil beneficiários regulares, para que o município possa contribuir com estas famílias é primordial que todos estejam dentro das conformidades, por isso mensalmente realizamos esses tipos de encontro. Além disso, com grande frequencia buscamos capacitar nossos profissionais para atender essas famílias, só assim garantiremos melhores qualidade de vida à população menos favorecida” relatou. No ensejo, a coordenadora alertou: “Os pais devem ficar atentos à frequencia escolar dos filhos, que exige no mínimo 85% de participação escolar, estarem sempre regulares com seus cartões de saúde e informar qualquer alteração em sua vida social, como o nascimento de um filho, alteração salarial, mudança de endereço, entre outras questões estabelecidas no cadastro do programa”.

A manutenção do benefício, as condicionalidades de freqüência escolar e do acompanhamento de saúde devem ser obedecidos por todos, caso contrário o benefício fica bloqueado. O controle é feito mensalmente pela gestão do Bolsa Família, com o apoio das Secretarias Municipais de Ação Comunitária, Saúde e Educação. O bairro Industrial foi a terceira localidade à receber a audiência de instrução da Equipe do Bolsa Família. De acordo com Ana Maria, as audiências serão aplicadas em todos os bairros do município, assim como ocorreu no Bairro Cidade Alta, bem como no São Cristóvão.

 
 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS