close
logorovivo2

Vereadores continuam trabalhando mesmo no recesso

Vereadores continuam trabalhando mesmo no recesso

DA REDAÇÃO

13 de Janeiro de 2009 às 14:30

Vereadores continuam trabalhando mesmo no recesso

FOTO: (Divulgação)

Os vereadores cacoalenses empossados para atuar na sétima legislatura da Câmara Municipal de Cacoal para o quadriênio (2009/2012) estão trabalhando diariamente mesmo estando em recesso parlamentar. Todos os vereadores realizando visitas frequentemente na zona rural e bairros de nosso município verificando in loco as necessidades da comunidade. Para a maioria, essa época do ano é de muitas chuvas e é preciso verificar onde está às prioridades para atender a comunidade.
 
Os trabalhos ordinários de 2009 começam no dia 16 de fevereiro, sempre as segundas-feiras no mesmo horário já estabelecido dos anos anteriores que é às 18h30min. Muitas novidades devem surgir nos discursos e trabalhos dos vereadores, em virtude da renovação de 70% dos vereadores da legislatura passada, sendo que permaneceram somente os vereadores Luiz Carlos Katatal (PTB), Antônio Masioli (PT) e Lourdes Kemper do Prado (PMDB).
 
Os vereadores que iniciam no mandato são: Paulo César Pupo Castro (PV); Valdecir de Souza Andrade (PP); Valdomiro Cora (PV); Fernando Minervino de Farias (PTB); Maria da Penha de Souza Menezes (PMDB); Uriety Prado (PMDB) e Euzébio Brizon (PPS). A Câmara Municipal de Cacoal foi instalada em 01 de fevereiro de 1983 com a posse dos vereadores eleitos na primeira eleição municipal que ocorreu em 15 de novembro de 1982, sendo hoje referencia para diversos municípios do Estado.
 
O vereador Luiz Carlos Katatal (PTB) que foi eleito por unanimidade para presidir o Poder Legislativo Municipal pela terceira vez, salientou a importância da parceria entre os poderes para o avanço das questões que afligem toda comunidade, ressaltando a necessidade de dialogo aberto, fiscalização constante e principalmente prioridade no atendimento à comunidade
 
Segundo o presidente Cacoal vem se desenvolvendo cada vez mais e com isso os problemas aumentam. “Temos que olhar com visão futura para nosso município e principalmente para os milhares de universitários que estão deixando as nossas faculdades com formação específicas nas diversas áreas e estão buscando o mercado de trabalho”, concluiu o vereador, destacando a necessidade de priorizar a geração de emprego no município.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS