close
logorovivo2

Produção da safra de café para 2009 deve diminuir 5% em Rondônia

Produção da safra de café para 2009 deve diminuir 5% em Rondônia

DA REDAÇÃO

3 de Dezembro de 2008 às 16:01

Produção da safra de café para 2009 deve diminuir 5% em Rondônia

FOTO: (Divulgação)

O estado de Rondônia fechou a safra 2008 com uma produção de 1,876 milhão de sacas de café conillon beneficiado, conforme avaliação do diretor da Gerência de Programas e Projetos (Gepro), da Emater-RO, engenheiro agrônomo José de Lima Ramos. Para o próximo ano, a expectativa inicial é de uma queda de 5% no volume, em função do ciclo bienal da cultura. Apesar dessa variação natural ser mais específica no caso do café arábica, Ramos esclarece que em Rondônia o café varia muito de acordo com as condições climáticas, e até agora estas não ajudaram muito as perspectivas para a safra do ano que vem.
A Primavera foi mais calorenta que a de 2007, trazendo as temperaturas mais elevadas dos últimos 40 anos. "O veranico, com altas temperaturas, diminuirá o rendimento das lavouras de café. Houve bastante abortamento de flores, embora algumas áreas tenham sido mais afetadas que outras", revela o agrônomo da Emater.
Ramos salienta também o problema do manejo inadequado das lavouras de café em Rondônia. Segundo ele, apenas 10% dos cafeicultores emprega tecnologia, insumos, e aplica adubos nas lavouras. "Em termos de tratos culturais, deixamos muito a desejar", lamenta. Assim, a produtividade média dos cafezais é de apenas 12 sacas por hectare em Rondônia.
Sobre a safra ainda em andamento, cuja colheita foi encerrada em julho, ainda restam cerca de 3% a 4% do total colhido para ser comercializado, acredita Ramos. "Tem um restinho ainda de negócios para se fazer, com pouco café disponível". Nesta abertura de mês, a saca de 60 quilos do café conillon vai sendo negociada em torno de R$ 185,00, patamar "um pouco melhor que no mesmo período do ano passado".

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS