close
logorovivo2

Alunos do projeto “Reciclagem dentro da Escola” são premiados

Alunos do projeto “Reciclagem dentro da Escola” são premiados

DA REDAÇÃO

8 de Outubro de 2008 às 17:31

Alunos do projeto “Reciclagem dentro da Escola” são premiados

FOTO: (Divulgação)

Pela participação no Projeto Reciclagem dentro da Escola, Formando Cidadãos, Educando para o Futuro, alunos da 1ª a 5ª séries da Escola Municipal de Ensino Fundamental Hermógenes Roberto Nogueira foram premiados.
 
Participaram do projeto, aproximadamente, 800 alunos. Estudantes que conquistaram as colocações do 1º ao 7º lugar por conseguirem coletar o maior número de material reciclável, classificado em quilogramas, receberam os prêmios. Todo o material foi vendido, pela própria escola, para uma unidade de coleta e os valores arrecadados serão revertidos em benefício à instituição escolar. O primeiro e segundo colocados ganharam uma bicicleta. Para o terceiro lugar, o prêmio foi um tênis e o quarto levou uma mochila com rodinhas. Para o quinto lugar foi dada uma mochila simples. Já para o sexto lugar, o prêmio foi um kit de livros com CD e o sétimo um kit de livros folclóricos.
 
De acordo com o coordenador da Divisão de Endemias do município, Márcio Pedroso de Amorim, o projeto já atingiu oito escolas do município, entre elas, quatro da rede municipal: Dalila Donadon, Hermógenes Nogueira, Chitosse Inaba, Vilma Vieira, e quatro escolas estaduais. O objetivo da Semusa, afirma Pedroso, é implantar o projeto em todas as escolas do município, interrompendo surtos e possíveis epidemias de Dengue dentro dos bairros, com ênfase para aqueles de abrangência da escola participante do projeto.  
 
O Projeto – O Projeto da prefeitura, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), tem como meta interromper surtos, possíveis epidemias de Dengue nos bairros e formar parceria com as escolas e comunidade para a retirada de material reciclável. Dessa maneira, pretende-se eliminar os criadouros domiciliares do mosquito transmissor da doença e promover a saúde e o bem-estar do ser humano com a melhoria do seu ambiente e da sua vida cotidiana. Trata-se de um novo programa de controle da Dengue para incorporar elementos como mobilização social e a participação comunitária.
 
Combate ao mosquito – Na prática, o projeto envolve os alunos e a comunidade na retirada de recipientes de plástico, lata e vidro que formam criadouros de mosquitos nos quintais, formando multiplicadores na eliminação dos criadouros domiciliares.
 
O projeto, na concepção do prefeito Marlon Donadon, fortalece a consciência individual e coletiva sobre a necessidade e a responsabilidade quanto à adoção de práticas para a manutenção do ambiente domiciliar livre de criadouros. A idéia estimula a mudança de comportamento e de hábitos da população, assim como, a conscientização dos alunos e a comunidade sobre a importância da coleta seletiva do lixo reciclável para a preservação do meio ambiente.  

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS