close
logorovivo2

Proposta da parceria é garantir ao consumidor melhorias no atendimento e qualidade nos produtos

Proposta da parceria é garantir ao consumidor melhorias no atendimento e qualidade nos produtos

DA REDAÇÃO

25 de Agosto de 2008 às 12:06

Proposta da parceria é garantir ao consumidor melhorias no atendimento e qualidade nos produtos

FOTO: (Divulgação)

 
 
Os vendedores de alimentos em feiras livres de Porto Velho estão passando por curso de Boas Práticas de Higiene e Manipulação de Alimentos. Sempre às segundas-feiras eles têm aulas teóricas em salas de treinamento do Sebrae complementadas por três visitas de consultor em suas barracas de atendimento.
 
A capacitação vem sendo feita graças a uma parceria do Sebrae, Vigilância Sanitária Municipal, prefeitura e Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Social com o objetivo de garantir aos consumidores porto-velhenses produtos alimentícios e atendimento dentro dos padrões de segurança alimentar.
 
O trabalho, que já foi feito junto aos vendedores de açougues e pescado, nesta segunda-feira (25) está sendo desenvolvido com trabalhadores do setor de aves. Até o final do ano, em torno de 300 profissionais devem ser beneficiados pela parceria. O trabalho de capacitação é coordenado pela consultora Sandra Maciel Faria.
 
Até o final deste ano, a proposta é que todas as feiras livres, incluindo mesa, quiosques e mercados municipais estejam oferecendo aos clientes e consumidores em geral com garantias de higiene. Além do curso em sala de aula, os participantes têm acompanhamento, em seu local de trabalho, recebendo orientação sobre os procedimentos durante três visitas durante o funcionamento das feiras.
 
Devem passar pela capacitação os feirantes que atuam em seis feiras livres de Porto Velho, que funcionam na rua Jatuarana, no conjunto residencial 4 de Janeiro, à rua Rafael Vaz e Silva, no bairro Areal, na avenida Amazonas e no bairro Cai N’água. Os feirantes interessados em participar do projeto devem entrar em contato com o Sebrae, através do telefone (69) 3217-3837, falando com Pedro Afonso.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS