close

Ivo Cassol destaca na TV as ações realizadas em seu governo após ser reeleito

Ivo Cassol destaca na TV as ações realizadas em seu governo após ser reeleito

DA REDAÇÃO

1 de Janeiro de 2008 às 10:42

Ivo Cassol destaca na TV as ações realizadas em seu governo após ser reeleito

FOTO: (Divulgação)

O governador Ivo Cassol foi o convidado para participar do quadro de entrevista do RO TV desta segunda-feira (31), último programa de 2007, da TV Rondônia, afiliada da Rede Globo no estado. A jornalista Andréia Fortini comandou a entrevista ao vivo com o governador. Como em outros meios de comunicação, Cassol fez um balanço de sua administração desse primeiro ano do segundo mandado. Comentou sobre a revisão da dívida do Banco do Estado de Rondônia (Beron), estradas, usinas do rio Madeira, gasoduto e orçamento. Ivo Cassol fez questão de frisar que Rondônia encerra o ano de 2007 com as contas em dia. “O mais gostoso é saber que, seja gestão pública ou privada, é estar com saldo positivo, com a consciência de ter administrado com responsabilidade os recursos. O ano de 2007 termina com a certeza do dever cumprido”, declarou. Cassol declarou ainda que a carne de Rondônia está sendo exportada para 40 países e fez questão de dizer, que a carne consumida em vários restaurantes ‘chiques’ de São Paulo, é de Rondônia. “Eles dizem que é da Argentina, mas eu provei e vi que o gosto era igual do nosso estado. Fui conferir e eles disseram que era de Rondônia. Questionei e eles disseram que não divulgam porque não temos marca e isso nós vamos resolver”, falou indignado Cassol. O governador fez ainda um balanço do pacote de obras nas estradas que foram entregues nesse ano e as que serão concluídas ano que vem. Cassol informou que em 2008 a intenção é contemplar todos os municípios do estado que ficam fora do eixo da BR 364, ligando essas cidades à rodovia. Para Cassol, o gasoduto será uma das grandes apostas para o próximo. “Rondônia vive um momento de prospecção de desenvolvimento muito grande com a construção das usinas hidrelétricas no rio Madeira, se o gasoduto for instalado aqui, nosso está será considerado um dos maiores pólos siderúrgicos do mundo, uma vez que Rondônia tem muitos minérios de ferro. Isso vai trazer progresso, desenvolvimento, emprego e renda para nossas famílias e estado, e isso é que precisamos”, finalizou Cassol. *VEJA TAMBÉM * Mesmo sem apoio de Cassol, médico Alexandre Brito diz ser pré-candidato a prefeito na capital * Deputados vão votar reajuste do funcionalismo já em janeiro

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS