close
logorovivo2

De acordo com pesquisa Istoé/Databrain Roberto Sobrinho tem 65% de aprovação da população

De acordo com pesquisa Istoé/Databrain Roberto Sobrinho tem 65% de aprovação da população

DA REDAÇÃO

1 de Agosto de 2007 às 17:39

De acordo com pesquisa Istoé/Databrain Roberto Sobrinho tem 65%  de aprovação da população

FOTO: (Divulgação)

*De acordo com a pesquisa divulgada na edição desta semana da revista de circulação nacional ISTOÉ, 65% da população de Porto Velho aprovam a administração que vem sendo realizada pelo prefeito Roberto Sobrinho e sua equipe. Com 6,5 pontos, a gestão da Prefeitura de Porto Velho é a décima melhor colocada no ranking brasileiro das 12 capitais cujas administrações têm maior aprovação popular. Os dados foram coletados pelo Instituto ISTOÉ/Databrain de 4 a 9 de julho. *É no dia-a-dia da população que Sobrinho tem priorizado suas ações para uma cidade com cerca de 400 mil habitantes, problemas crônicos que nunca haviam sido enfrentados e que agora estão em pauta. O resultado disso é a confiança da população na honestidade e eficiência do administrador Roberto Sobrinho. *?A pesquisa mostra que a população está vendo o nosso esforço para cumprir o que dissemos na campanha: acabar com o velho jeito de se fazer política em Porto Velho. Estamos fazendo uma administração voltada para quem mais precisa. Em todas as áreas de atuação temos sempre as pessoas como medida de todas as coisas, de todas as ações. Acho que a população percebeu isso, percebeu a mudança. Nossa administração ainda é nova, encontramos a prefeitura completamente destruída, com contas atrasadas, funcionários desmotivados, máquinas e equipamentos -quando existiam - sucateados, mas mesmo assim partimos para a ação. Como eu sempre disse para os secretários, temos que trocar a roda com o caminhão andando, pois a população já tinha esperado muitos anos, não podia esperar mais.? Diz Roberto, analisando os números da pesquisa. *Animado com os números que o coloca entre os 12 prefeitos mais bem avaliados, Roberto diz que a participação da população tem sido fundamental para a administração. ? Eu e os secretários estivemos em todos os distritos - alguns deles ficam a mais de 300km da cidade - e a maioria destes distritos ou já estão com obras, ou prestes a recebê-las. *Na habitação, até outubro do ano que vem serão entregues 1860 casas, enquanto nos 4 anos da administração anterior foram entregues 400. *?Trabalhamos também as parcerias entre o governo federal e a prefeitura. Com essa parceria 18 mil pontos de luz serão trocados, 1700 agricultores receberão energia com toda a instalação gratuita, o programa ProJovem vai dar escola, formação profissional e R$ 100,00 por mês para 3,3 mil jovens desempregados de 18 a 24 anos, através da prefeitura. *Este ano ainda serão mais 5 mil novas bolsas-família para a população, o recurso para a construção do Terminal de passageiros e Hidroviário do Cai n?Água já está garantido com o Ministério dos Transportes, com a Funasa o recurso para a canalização do igarapé atrás da Rodoviária até a Jorge Teixeira e também do igarapé do Tancredo Neves, da Mamoré até a José Amador dos Reis, ou seja, em meses, fez-se mais parcerias do que em anos de administrações anteriores?, relata Roberto. *Outro ponto positivo que a pesquisa mostrou é que a população aprova o transporte urbano, a pavimentação e a conservação de ruas e praças. Roberto diz ?O transporte está em fase de integração. Implantamos a bilhetagem eletrônica e com isso integramos o transporte. Promessa nunca cumprida por vários prefeitos anteriores. Nós conseguimos fazer isso em 6 meses. Hoje o usuário paga uma passagem e pode pegar dois ônibus. Na conservação das ruas, começamos pelas periferias e apesar das máquinas da prefeitura estarem literalmente no toco em janeiro, fizemos um mutirão que passou em ruas onde segundo os moradores a mais de 10 anos não passava uma máquina. Além da limpeza e do encascalhamento foram trocados 1830 pontos de luz nas regiões mais periféricas da cidade. Estamos chegando no centro, fazendo asfaltos e sinalizando varias ruas e avenidas. É um trabalho enorme porque a cidade estava abandonada nesta área e por isso ainda temos muito trabalho a fazer?, anuncia. *A revista cita o avanço no setor habitacional, a partir da criação da Secretaria de Regularização Fundiária que tem como meta corrigir o alto déficit de moradia e de propriedades sem escritura. Iniciativas tomadas na área da educação também foram reconhecidas, entre elas, o convênio com escolas comunitárias onde a prefeitura paga as mensalidades para 3 mil alunos carentes, a abertura de 6 mil novas vagas no ensino fundamental, o transporte de 3 mil alunos a mais que a gestão anterior e a implantação do Projovem, programa destinado a jovens de 18 a 24 anos que dá escola, formação profissional e auxílio de R$ 100 a 3,3 mil jovens. *O contato popular, segundo Roberto Sobrinho, norteia as ações da prefeitura e portanto, tem mantido reuniões com as lideranças de bairros e com as comunidades ribeirinhas e dos distritos para traçar prioridades. ?Firmamos o compromisso de fazer uma administração participativa e a população é quem tem traçado as ações emergenciais?, ressaltou. *O estudo divulgado pela ISTOÈ destaca ainda as cidades que obtiveram acima de 60 pontos na soma dos quesitos regular positivo, bom e excelente, ou seja, só entraram na divulgação os 12 prefeitos mais bem avaliados do país. Segundo a revista, o desempenho pessoal dos prefeitos tende a ser maior ? cerca de dois pontos percentuais em média ? do que a nota fornecida pelos entrevistados às administrações. A margem de erro para o volume de pessoas ouvidas é de 3,5%.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS