close
logorovivo2

Roraima - Boa Vista sofre com alagações

Roraima - Boa Vista sofre com alagações

DA REDAÇÃO

17 de Julho de 2007 às 08:26

Roraima - Boa Vista sofre com alagações

FOTO: (Divulgação)

As fortes chuvas que caíram na madrugada de sábado até às 14 horas da tarde de ontem provocaram novamente transtornos ao boa-vistense. A chuva durou mais de dez horas e deixou dezenas de casas alagadas e ruas intransitáveis. *Um trecho da avenida dos Imigrantes e outro da avenida Ataíde Teive, no bairro Buritis tiveram o trânsito interrompido. Nessa área, próximo à Feira dos Buritis, recentemente recebeu serviço de drenagem, mas a cada chuva alaga residências, comércio, ruas e avenidas. *As ruas paralelas à avenida dos Imigrantes, como a professor Macedo e a Almerindo dos Santos, ficaram debaixo d’água. Na avenida Ataíde Teive, esquina com a rua João Padeiro, um posto de combustível ficou com as bombas de óleo e gasolina tomadas pela água. *“A água está entrando no reservatório de óleo diesel”, disse a estudante Alda Eliza, 15, que mora próximo ao posto e observava com dezenas de moradores o transtorno causado pela chuva. *Na tarde de ontem(16), os moradores tentavam retirar a água das casas, mas em algumas o trabalho era em vão devido à proporção do alagamento. Com baldes na mão, a atividade do domingo dos moradores foi passar a tarde toda retirando a água das residências. Alguns tentavam impedir a água entrar, fazendo barreiras com sacos de plástico cheios de seixo, que eram colocados na porta de casa. *Na parte onde ficam localizados os comércios da avenida Bandeirantes a água invadiu diversas lojas. Na região mais baixa a situação ficou ainda pior, porque a água subiu o suficiente para impedir que os veículos passassem. Somente alguns condutores de bicicletas arriscavam atravessar a rua. *Outra área que ficou totalmente inundada com a chuva foi a creche estadual Cunhatã Curumim, localizada na rua professor Macedo, no bairro Buritis. A água invadiu e deixou as salas de aulas completamente submersas. *O vigia da creche, Walide Magalhães, conseguiu retirar alguns equipamentos da secretaria e os deixou suspensos nas mesas para evitar que fossem molhados. “Se as aulas começassem amanhã [hoje], não iria ter aula”, disse Walide. *Todo o pátio da escola e a área de lazer das crianças foram tomados pela água. A quadra de esporte, que fica na parte de traz, também ficou inundada. ****Leia também: Roraima - POLICIAIS BANDIDOS - Laudo aponta morte de taxista por afogamento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS