close
logorovivo2

Moradores na capital bloqueiam ruas com pedras para tentar diminuir a poeira

Para tentar diminuir a poeira, que é comum nessa época do verão amazônico, moradores que tiveram suas ruas recentemente limpas e encascalhadas pela operação “Cidade Limpa” estão impedindo parcialmente o trânsito de veículos nas ruas colocando pedras no ca

DA REDAÇÃO

19 de Junho de 2007 às 17:23

Moradores na capital bloqueiam ruas com pedras para tentar diminuir a poeira

FOTO: (Divulgação)

*Para tentar diminuir a poeira, que é comum nessa época do verão amazônico, moradores que tiveram suas ruas recentemente limpas e encascalhadas pela operação “Cidade Limpa” estão impedindo parcialmente o trânsito de veículos nas ruas. Além das lombadas, feitas sem qualquer critério, muitas vezes uma na frente de cada casa, agora a moda é colocar pedras “gigantes” enfileiradas no meio da rua, fazendo com que circule apenas um veículo pequeno por vez e ainda obrigando os motoristas a fazer “zigue-zague” para passar. *Hoje a linha do ônibus Norte-Sul, ficou impedida de transitar em uma determinada rua, pois não podia passar no meio das pedras. Várias ruas da zona Leste e zona Sul, estão na mesma situação. Um exemplo é a rua Pau Ferro, no trecho em frente a Cidade dos Funcionários. “Antes a rua não dava condições de boa trafegabilidade, tanto para veículos de todos os portes, como para ciclistas e pedestres em função dos enormes buracos e do acúmulo de água, agora ela está com trânsito parcialmente impedido pelas gigantes pedras que os moradores colocaram na rua”, reclama um morador do bairro Castanheiras que não quis se identificar. *À noite há também o perigo de um veículo em sentido contrário, ofuscar a visão do motorista e causar um acidente. “Nisso eles não pensam”, afirma indignado o morador do Castanheiras. A alegação das pessoas que bloqueiam as ruas é sempre a mesma: “tentar diminuir a poeira”. Mas isso só seria possível se chovesse o tempo todo. *
DIREITO DE IR E VIR
*O secretário municipal de transporte, José Claudio Carvalho, afirmou que tem recebido várias reclamações diariamente, porém não tem como retirar as pedras e as lombadas das ruas na mesma proporção em que elas são colocadas. “Já pedimos ajuda à Secretaria Municipal de Obras (Semob) para retirar essas pedras das ruas”. Mas o secretário acredita que somente a retirada não resolva, pois os moradores podem colocar tudo novamente no mesmo dia, a exemplo do que já aconteceu em vezes anteriores. *“As pessoas devem se conscientizar que é proibido bloquear, mesmo que parcialmente, qualquer rua sem autorização. Bloquando elas ferem um direito constitucional do cidadão: o direito de ir e vir”, afirma Carvalho. *
DISQUE DENÚNCIA
*O secretário de transportes pede à população que ligue para reclamar quando se depararem com ruas bloqueadas, total ou parcialmente. Carvalho fala que, na medida do possível, enviará fiscais para alertar aos moradores da proibição do ato e solicitará a retiradas dos entulhos através da Semob. *A população deve ligar para o número 0800.647.5100 *
SITUAÇÃO INVERSA
*Não faz muito tempo, em vários pontos da cidade, moradores fizeram movimentos e bloquearam as ruas com entulhos para chamar a atenção do poder público. Reivindicavam por melhorias nas ruas: limpeza, encascalhamento, operação tapa-buracos, etc. Atualmente a situação está invertida. Várias ruas que receberam esses serviços agora também estão bloqueadas, porém, para tentar diminuir a poeira.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS