close
logorovivo2

DESPERDÍCIO: ‘’O Brasil tem prejuízo de R$ 1 trilhão só em obras paradas”, diz Fabricio Jurado

Ele é candidato ao senado por Rondônia pelo Partido Novo

ASSESSORIA

26 de Setembro de 2018 às 14:11

DESPERDÍCIO: ‘’O Brasil tem prejuízo de R$ 1 trilhão só em obras paradas”, diz Fabricio Jurado

FOTO: (Divulgação)

O Brasil é um país de desperdício do dinheiro público. Em qualquer município brasileiro é possível encontrar uma obra pública necessária para o bem estar da população, inacabada. O advogado Fabricio Jurado, é o candidato ao Senado por Rondônia pelo Partido Novo, e se diz indignado com a forma com que os recursos públicos são mal administrados no país.

 

Ele observa que cerca de 10% de toda a riqueza produzida no Brasil é consumida em compras governamentais. “São 650 bilhões de reais gastos durante o ano para promover todo o tipo de aquisição feita por quem deveria, em tese, promover o bem da população. Apesar de ser muito dinheiro, temos em torno de 22.000 obras públicas paralisadas em todo país. Isso quer dizer que em cada cidade brasileira tem praticamente quatro obras abandonadas”, calculou.

 

É justamente contra a essa farra com o dinheiro dos brasileiros que Fabricio pretende lutar no Senado Federal para mudar essa realidade. Ele afirmou que recentemente foi criada a Comissão Especial das Obras Inacabadas no Senado, que fez um raio X do problema em nosso país.

 

“Após meses de investigação a Comissão estimou o prejuízo com esses Elefantes Brancos em 1 Trilhão de reais. Para se ter ideia do tamanho desse número, o déficit da previdência em 2017 foi de 268 Bilhões de Reais”, disse Fabricio. Vale lembrar que nesse cálculo não estão contabilizadas aquelas obras com problemas de superfaturamento, atrasos recorrentes, falta de qualidade e desvio de finalidade.

 

Para mudar esse quadro, Fabricio defende uma maior fiscalização e uma punição mais rigorosa para os envolvidos com essas obras. Para ele, além do prejuízo financeiro para todos tem também a questão do atraso no desenvolvimento do país e na geração de empregos.

 

“No Senado pretendo lutar para mudar essa relação entre os Governos em seus vários níveis com as empresas e políticos responsáveis por esses empreendimentos. Temos que atacar a corrupção de forma séria e constante. Isso é uma das bandeiras do Partido Novo e que o diferencia dos demais partidos que já estiveram no poder e nada fizeram”, finalizou.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS