close
logorovivo2

POLÍTICA: Em horário de expediente, funcionária de Bolsonaro vende açaí na praia

Walderice Santos da Conceição é assessora do gabinete do deputado e afirmou trabalhar todas as tardes numa loja em Angra dos Reis (RJ)

METRÓPOLES

14 de Agosto de 2018 às 10:09

POLÍTICA: Em horário de expediente, funcionária de Bolsonaro vende açaí na praia

FOTO: (Divulgação)

O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) tem utilizado o dinheiro da Câmara dos Deputados para pagar o salário de uma funcionária fantasma de seu gabinete. Em pleno horário de expediente, a servidora do Legislativo federal vende açaí em Mambucaba, distrito de Angra dos Reis (RJ), onde o deputado federal tem uma casa. A informação é do jornal Folha de S.Paulo.

 

Repórteres da gazeta paulistana visitaram o local nesta segunda-feira (13/8), no horário em que Walderice Santos da Conceição deveria estar na Câmara, e compraram um açaí e um cupuaçu com ela. Wal, que figura desde 2003 como funcionária do gabinete de Bolsonaro e recebe salário bruto de R$ 1.351,46, disse trabalhar todas as tardes na loja de açaí em Mambucaba.

 

A equipe da Folha só se identificou depois da compra. Questionada se o presidenciável deveria pagá-la com dinheiro próprio, já que ela não exerce atividade no gabinete do parlamentar em Brasília, Wal disse apenas: “Aí é uma coisa que cabe a ele responder”.

 

Ainda de acordo com o jornal, logo depois de os profissionais irem embora, a funcionária ligou para a sucursal do veículo em Brasília e afirmou que pedirá demissão do cargo.

 

Demissão


Bolsonaro afirmou à Agência Estado que sua assessora parlamentar Walderice Santos da Conceição pediu demissão nesta segunda-feira (13) pela manhã. Segundo o deputado federal, a servidora solicitou o desligamento por causa da exposição de seu nome em denúncia de irregularidade.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS