close
logorovivo2

Público de Boa Vista marca presença no Festcine Amazônia

Público de Boa Vista marca presença no Festcine Amazônia

DA REDAÇÃO

6 de Maio de 2008 às 13:53

Público de Boa Vista marca presença no Festcine Amazônia

FOTO: (Divulgação)

Mais de duzentas pessoas prestigiaram no último domingo (04 de maio) quando a mostra de filmes do Festcine Amazônia exibiu vídeos com temáticas ambientais no Espaço Multi Cultural do SESC em Boa Vista (Roraima). Mais uma vez o Itinerante foi sucesso de público. A programação iniciou com o vídeo institucional do Festcine apresentando os vários campos de atuação do festival: como a mostra competitiva de filmes que acontece em Rondônia e os projetos itinerantes que levam o cinema à escola, às comunidades ribeirinhas, aos demais Estados do Norte e países visinhos. Antes dos filmes convidados, o poeta Eliakin Rufino abriu a noite declamando várias poesias com temática ambiental como Perigo, A corrida do Ouro, Vida ligeira e O sonho do Xamã. O poeta destacou o interesse do público e a qualidade dos filmes que de forma sutil abordaram bem a necessidade da reflexão sobre o meio ambiente, ressaltou Jurandir Costa. Na seqüência foram exibidos quatro filmes de curtas-metragens, com destaque para o Mapinguari, o defensor da floresta - um personagem que vive no imaginário dos povos da Amazônia, sendo também o símbolo do Festcine Amazônia. Jurandir explica que “o vídeo é um alerta contra a devastação das florestas, mostrando que o homem utiliza inúmeros meios para causar danos ao meio ambiente como as queimadas; poluição de rios e igarapés, desmatamento para exploração ilegal de madeira”. Outro destaque que emocionou a platéia foi Vida Maria, animação em computação gráfica com roteiro e direção de Márcio Ramos. A trajetória de Maria José no circulo vicioso que é a vida no interior nordestino, da infância passando pela idade adulta até a velhice. Num ambiente castigado pelo sol e pela seca do nordeste, a animação reflete a vida de outras milhares de Marias, falou entusiasmada Fernanda Kopanakis. O documentário roraimense Nas trilhas de Makunaima, de Thiago Chaves Briglia foi o destaque regional. Segundo Carlos Levy, “o filme encerrou a sessão e arrancou aplausos de várias pessoas que se entusiasmaram com a história do mito indígena e com a magia do Monte Roraima. Até quem já tinha assistido ao filme se disse orgulhoso do projeto roraimense que foi exibido para o país inteiro, através da TV Brasil”. Para o coordenador geral do Festival, Jurandir Costa, a participação do público superou a expectativa. “Essa expressiva participação demonstra o interesse da população local em produtos culturais que abordam a temática ambiental”, disse. Festcine Amazônia – O Festival de Cinema e Vídeo Ambiental é um projeto que visa divulgar, integrar e promover discussões em torno da produção de cinema e vídeos nacionais e internacionais, legendados ou narrados na Língua Portuguesa, em especial, que tenham como temática central o meio ambiente. O Festival acontece uma vez por ano em Porto Velho - RO e sua primeira edição aconteceu em 2003. A partir de 2008, iniciou o projeto itinerante pelo norte e paises vizinhos. Agora a mostra segue para Manaus, em seguida para a Colômbia e para Portugal. O Festcine Amazônia Itinerante conta com o patrocínio do Ministério da Cultura/Fundo Nacional de Cultura, Petrobras através da Lei Rouanet, tem ainda o apoio da senadora Fátima Cleide, deputado federal Eduardo Valverde, IBM, Unir, Secel e Prefeitura de Porto Velho. Em Boa Vista contou com apoio cultural do SESC-RR do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Roraima – SINJOPER.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS