close
logorovivo2

Cantor e instrumentista representa Rondônia no projeto "Acorde Brasileiro"

Cantor e instrumentista representa Rondônia no projeto "Acorde Brasileiro"

DA REDAÇÃO

26 de Novembro de 2007 às 15:57

Cantor e instrumentista representa Rondônia no projeto "Acorde Brasileiro"

FOTO: (Divulgação)

Com pouco mais de 25 anos de estrada no segmento musical, o instrumentista e compositor Bado, foi convidado após passar pelo conselho curador dos músicos Carlos Malta, Toninho Alves, Roberto Corrêa, Nilson Chaves, Vinícius Brum e pelos jornalistas Kiko Ferreira e Juarez Fonseca, a participar do Encontro Nacional das Músicas Regionais (Acorde Brasileiro), que acontece em Porto Alegre de 28.11 a 01 de dezembro. Segundo o coordenador e idealizador do projeto, Luis Carlos Contursi, o projeto visa chamar a atenção de autores, letristas, intérpretes, instrumentistas, cantores, organizadores de festivais, comunicadores, pesquisadores, docentes, estudantes e do público em geral, para a importância que tem a música que se pratica nas diferentes regiões do Brasil e para a necessidade de se buscar meios de promover seu estudo, sua produção, profissionalização e desenvolvimento. O projeto reunirá músicos, produtores, pensadores, jornalistas, pesquisadores de todo o país para cantar, conversar, trocar idéias, falar sobre produção e a realidade musical do Brasil. São mais de cem artistas e intelectuais de 23 estados participando de shows e debates durante quatro dias. Para o encerramento, a coordenação preparou um grande espetáculo musical que acontecerá na Usina do Gasômetro no dia 1º de dezembro a partir das 19h com os shows de Almir Sater (MS), Renato Borghetti (RS), Quinteto Violado (PE), Carlos Malta (RJ), Viola Quebrada (PR), Zé Gomes (RS), Eliakin Rufino (RR), Roberto Corrêa (DF), Nilson Chaves (PA), Luiz Carlos Borges (RS), Maurício Carrilho (RJ), Nelson da Rabeca (AL), Jean Garfunkel (SP), Vicente Barreto (BA), Célio Cruz (AM), Zé Miguel (AP), Bado (RO), Sérgio Souto (AC), entre outros. HISTÓRICO O cantor, compositor e instrumentista, Bado, participou de vários projetos e movimentos culturais, entre eles, o projeto "Grito de Cantadores" realizado no SESC/RO em (1992), Projeto "Rio Brasil", Sala Cecília Meireles e Museu da Imagem do Som (junho,1992) no Rio de Janeiro, este resultou na gravação do disco Porto das Esperanças. Em 1995, o compositor participou do Projeto "escola viva", que também resultou na gravação de um disco denominado "Amazônia em Canto". O instrumentista participou de festivais como FEMUCIC (Maringá, PR); Teatro Francisco Nunes (Belo Horizonte-MG); Teatro Amazonas (Manaus/AM) e Espaço SEBRAE – Brasília/DF. Em 2000/2001 foi selecionado pelo Projeto "RUMOS" Itatú Cultural e passa a integrar a Cartografia Musical Brasileira, e em 2005 no Projeto "Pixinguinha". O cantor não pára por aí, a convite do compositor paraense Nilson Chaves, participou do Show "Gente da mesma Floresta", realizado em São Paulo em abril de 2006, com gravação ao vivo em DVD. Seu último trabalho foi realizado em São Paulo, onde fez parte da comissão de jurado do Projeto "RUMOS" Itaú Cultural.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS