close
logorovivo2

MOMENTO LÍTERO CULTURAL

POR SELMO VASCONCELLOS

9 de Janeiro de 2019 às 16:41

MOMENTO LÍTERO CULTURAL

FOTO: (DIVULGACÃO)

 

01-EMIL DE CASTRO

Lição

 

Aprenda a caminhar sobre a espuma

da champanha

s saberás amar a essência

do voo dos pássaros na primavera.

 

02-NICOLAS BEHR

ERA DE AQUARIUS

 

peixinhos

comendo

tubarões

 

03-ROGÉRIO SALGADO

LÍRICO

 

Poesia é observar estrelas

Mesmo na luz do dia.

 

04-ANITA COSTA PRADO

Se a vida é escolha,

a escolha certeira

é o que importa.

Ou você é guerreira

Ou vira mosca morta.

 

05-AKIRA YAMASAKI

atiro uns versos comuns

de manhã bem cedinho

às vezes acerto numa flor

às vezes num passarinho

 

06-JÚLIO OLIVAR

O SOM

Tristeza.

Um chorinho,

que alegra.

Na faixa seguinte,

valsa.

 

07-ANTONIO FABIANO

JANELAS ALTAS

 

Janelas altas do meu palácio

Convocam-me ao suicídio.

Como asas batem

Palmas

Ao vento hibrido.

 

08-MARCIA MENDES

Sonho

 

Dobrei a esquina

À procura de teus olhos.

Percorri rios, saboreei uvas,

Teci minha fantasia

Com os fios do teu desejo.

Todavia, quando me deitei

Na trama dos sonhos,

Sonhei contigo.

 

09-CARLOS ALBERTO RODRIGUES (BIG CHARLES)

Despertar da tarde

 

Acordei com a chuva dando na eira

A ressaca meu guiou até a beira

Soleira da casa

Cascata de lavar alma

Renovei-me pra outra lavada.

 

10-ANA PELUSO

O eu vário não é fiel

se perguntado quantos lados tem uma estrela

ele dirá / todos

 

11-CELI LUZ

FLAGRANTE

 

Debruça na janela ao lado

o velhinho,

bem no momento em que

o beija-flor

seu néctar colhia.

O velho sorri

e bebemos

um instante de alegria.

 

12-RODRIGO POETA

O SEMEADOR DE FLORES

 

Semeiam flores

As mãos do amor

Num reflexo de prazer

Entre os olhos do coração.

 

13-ADRIANA PAVANI

TERRA-PRIMAVERA

 

Que forte sopre o vento

E faça cair a chuva

Que lava a alma de dores ressequida

E faz a Terra parir seus rebentos...

Nasce, assim, a primavera colorida...

 

14-KARLA SABAH

VOLÁTIL

 

vamos trocar

nossos quinze

minutos de fama

por um segundo

de eternidade?

 

15-ROSÁLIA MILSZTAJN

ZOOM

 

O importante da fotografia

É o click da máquina que

Abre a boca da câmera

E devora o instante

 

16-MARILDA CONFORTIN

Vítima

 

Presa na tua vida

morri de amor

em legítima defesa

 

17-JUREMA BARRETO DE SOUZA

A boca da noite

tem sabor de café expresso

onde adoço meus versos

e os sorrisos

que eu não tinha

por dentro...

 

18-LEYLA LOBO

Nas frias vidraças,

um olhar extasiado,

cravado de dor.

 

19-JORGE VENTURA

DEVOÇÃO

 

eu vejo e festejo essa romaria,

que ruma a Maria e ruma a José!

a pé todos parecem ser exatos

nos atos, na súplica e na fé

e é no afã desse povo que eu encontro

o ponto de fuga, a grande desculpa

de minha máxima culpa: o risco

do perdão por algo que jamais fiz

 

20-FIDÉLIA CASSANDRA

Vitral

 

Mas que vidinha aparente!

Onde não sou o que sou

Nem o que queria ser: uma toupeira dormente?

Vidro transformado em água

Pela corrosão do tempo!

 

21-P.J. RIBEIRO
CORREDOR DA MORTE

 

Foi só ele galgar

o corredor da morte

pra se borrar todo.

 

22-SILVÂNIA MACHADO

Arte divina

 

Na alvorada,

Sinfonia de pássaros.

À noite, vernissage: lua cheia.

 

23-IDALINA DE CARVALHO

CAOS

 

8:98

tarde demais

quando até o digital da praça

perdeu

a noção do tempo

 

24-DJANIRA PIO

Correção

 

Todos s dias

corrijo

renovo

e reorganizo

meu universo

 

25-ALBERTO BRESCIANI

ANESTESIA

 

Esqueço interrogações

no perfume

de cerejas e amoras

que promete

a tua boca

 

26-JANDIRA ZANCHI

ASPIRINAS

 

me levem em

surdina e sem gritos

o leito perfumado

de aspirinas

 

27-SILAS CORRÊA LEITE

Genuflexório

 

Minha mãe

Tirava lágrimas

Dos joelhos

 

28-LUIZ DE AQUINO

EMANAÇÃO

 

É a voz e a vez de cada momento:

meu peito se abrindo

para nascer uma rosa.

 

29-HELOISA CROSIO

Em meu caderno

Linda borboletinha

Cores da natureza

 

30-REGINA LYRA

AQUÁRIO

 

Versos perduram em prece.

Madrugo no Nordeste dos aquários.

Amanheço na tarde,

Bela, como o poema,

Fico a deglutir cada palavra,

Como uma prenda.

 

31-SELMO VASCONCELLOS

Amor atado

Amor sagrado.

MAIS COLUNAS

Selmo Vasconcellos

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS