close

FALSA COMUNICAÇÃO: Polícia investiga se Najila Trindade cometeu denunciação caluniosa

Decisão da delegada Juliana Bussacos de não indiciar Neymar por agressão e estupro leva agora a outras investigações

METRÓPOLES

30 de Julho de 2019 às 17:35

FALSA COMUNICAÇÃO: Polícia investiga se Najila Trindade cometeu denunciação caluniosa

FOTO: (Divulgação)

A decisão da delegada Juliana Bussacos de não indiciar o jogador Neymar por agressão e estupro resultará em novas apurações. Agora, a Polícia Civil analisará elementos para concluir se a modelo Najila Trindade, que alegou ter sido violentada pelo atleta durante encontro em Paris, cometeu os crimes de denunciação caluniosa ou falsa comunicação de crime contra o craque brasileiro. A decisão foi tomada antes mesmo que as imagens das câmeras do hotel onde a modelo ficou hospedada chegassem às mãos da investigadora.

 

VEJA MAIS

 

 

 

Segundo afirmou o diretor do Departamento de Polícia Judiciária (Decap), Albano de Paula Santos, caso seja comprovado que o jogador brasileiro não cometeu nenhum crime, a modelo pode ser penalizada na esfera criminal.

 

“Todo mundo que movimenta o estado, a polícia, por uma inverdade pode ser punido, e existe esta investigação, sim”, disse.

 

Agora, o Ministério Público tem 15 dias para decidir se indicia o jogador ou se arquiva a denúncia.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS