close

BOSSA: Corpo de João Gilberto será velado no Rio de Janeiro nesta segunda

O artista será enterrado em Niterói, no Rio de Janeiro

METRÓPOLES

8 de Julho de 2019 às 08:53

BOSSA: Corpo de João Gilberto será velado no Rio de Janeiro nesta segunda

FOTO: (Divulgação)

O corpo do músico João Gilberto, considerado o pai da bossa nova, será velado nesta segunda-feira (08/07/2019), a partir das 9h, no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. A cerimônia será aberta ao público e seguirá até as 14h.

 

Depois da cerimônia, João Gilberto será enterrado no jazigo da família, no cemitério Parque da Colina, em Niterói (RJ). A despedida do cantor será reservada à família.

 

REPRODUÇÃO

Reprodução

João Gilberto, em 1959

 

João Gilberto morreu, nesse sábado (06/07/2019), aos 88 anos, em seu apartamento no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro. A causa do falecimento ainda não foi divulgada pelos familiares do artista.

 

O filho do cantor, João Marcelo Gilberto, que mora nos Estados Unidos, não comparecerá à cerimônia. Ele alegou problemas de saúde e questões de documentação. A irmã dele, Bebel Gilberto, chegou ao Rio de Janeiro na tarde desse domingo (07/07/2019).

 

Como João Gilberto era a inspiração de grandes nomes da música brasileira, é esperado que artistas de peso da MPB passem pelo velório.

 

Últimos anos

 

Os últimos anos de vida do cantor e compositor João Gilberto foram marcados por disputas entre seus familiares, problemas de saúde e dívidas que chegaram a R$ 9 milhões.

 

Dois de seus três filhos, João Marcelo e Bebel Gilberto, travaram guerra judicial contra Claudia Faissol, mãe de sua filha mais nova. Na Justiça, Bebel pediu em 2017 a interdição do pai para que ele não fosse induzido a assinar documentos com força legal sem saber o que estava fazendo.

 

Em 2013, o banco Opportunity comprou 60% dos direitos sobre os quatro primeiros discos do cantor, considerados alguns dos mais importantes da música brasileira. Na época, João Marcelo acusou Claudia de receber por fora algo entre 5% e 10% desse montante.

 

 

Divulgação

João Gilberto foi um dos ícones da MPB e da bossa nova

 

Em 2017, João Gilberto foi interditado judicialmente por Bebel, que afirmou que seu pai estaria passando por “absoluta penúria financeira”. Nesse mesmo ano, o Estado tentou encontrar o músico em sua residência, em um prédio que fica a dois quarteirões da praia, mas nem mesmo os moradores sabiam de sua situação. “Você está aqui procurando o João Gilberto? Desiste! Nunca ouvi nem um violãozinho e moro há 30 anos no prédio”, contou uma moradora.

 

João Gilberto morreu aos 88 anos, recluso e sem ter visto a guerra travada entre seus familiares pacificada.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS