close

DESESPERO: Criança é arrastada após ficar presa em porta de ônibus

Segundo testemunhas, vítima foi arrastada por cerca de cinco metros na avenida Epaminondas, no Centro da capital. O motorista fugiu do local

EM TEMPO

6 de Julho de 2019 às 10:44

DESESPERO: Criança é arrastada após ficar presa em porta de ônibus

FOTO: (Divulgação)

 Um menino de 4 anos ficou preso na porta de desembarque de um ônibus da linha 560 e foi arrastado pelo veículo por alguns metros na tarde desta sexta-feira (5). O acidente aconteceu por volta das 15h30, na avenida Epaminondas, no Centro de Manaus.   

 

Segundo testemunhas, a criança estava na companhia da mãe. Quando estavam descendo na parada de ônibus, o menino ficou preso, e nisso, o motorista fechou a porta do veículo e arrancou.

 

"O motorista estava apressado e arrastou a criança por aproximadamente cinco metros. As pessoas viram a cena e começaram a gritar até que o condutor do coletivo percebeu. Ele só fez abrir a porta do ônibus para soltar o menino e fugiu sem prestar socorro", informou um vendedor de 23 anos, que pediu para ter o nome divulgado. 

 

Ainda conforme a testemunha, os motoristas de ônibus que trafegam na área central da cidade cometem esse tipo de imprudência frequentemente. "Todos os dias presenciamos esses descasos. Não respeitam idosos que estão embarcando ou desembarcando e parece que sempre estão com pressa", disse.

 

Policiais militares da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados para atender a ocorrência, porém não localizaram o ônibus. Uma equipe policial esteve na estação do coletivo, localizada no bairro Santa Etelvina, na Zona Norte, para conseguir a identificação do motorista.

 

Ainda conforme a polícia, a vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Hospital da Criança da Zona Leste, o Joãozinho. Não há informações sobre o estado de saúde do menino. A empresa Eucatur informou ao Em Tempo que está apurando o caso. 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS