close
logorovivo2

COVARDIA: Pai mata filha de 11 anos que defendia a mãe de agressões

Além dela, o irmão de 5 anos foi alvejado e levado para o hospital. A briga foi por ciúmes

METRÓPOLES

9 de Abril de 2019 às 16:11

COVARDIA: Pai mata filha de 11 anos que defendia a mãe de agressões

FOTO: (Divulgação)

Uma menina de 11 anos foi morta a tiros pelo próprio pai no povoado de São José de Itaporan, em Muritiba (BA), nessa segunda-feira (8/4). Segundo a polícia, Michele Magalhães Rodrigues tentava defender a mãe das agressões do pai quando foi baleada. Além dela, o irmão de 5 anos foi alvejado e ficou ferido.

 

Ainda de acordo com as autoridades policiais, os dois começaram a discutir porque Lucival de Oliveira Rodrigues achava que a esposa, Darlene dos Santos Magalhães, estava o traindo. Ao tentar defender a mãe dos socos do pai, a garota levou um tiro nas costas. Desesperada, saiu correndo da sala e caiu na área de terra na frente da residência. Nesse momento, o pai ainda deu um tiro na cabeça dela.

 

Já o menino de 5 anos foi baleado pelo pai quando correu para fora da casa. Socorrido, foi levado para o Hospital de Santo Antônio de Jesus, mas, segundo o jornal Correio 24 Horas, não há informações sobre o estado de saúde dele. Segundo vizinhos, foram ouvidos de quatro a cinco tiros.

 

Lucival está foragido. Darlene chegou a ir até a delegacia para prestar esclarecimentos, mas não conseguiu por conta do estado emocional. O corpo de Michele foi enterrado ainda na segunda-feira no cemitério da cidade.

 

 

 

 

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS