close
logorovivo2

INVESTIGAÇÃO: Corpo de professor universitário é encontrado com marca de tiro

Na ocasião uma pessoa que estava na região, ouviu um barulho de tiro em direção a rodovia e avistou um carro fugindo

RONDONIAOVIVO

20 de Dezembro de 2018 às 17:23

INVESTIGAÇÃO: Corpo de professor universitário é encontrado com marca de tiro

FOTO: (Divulgação)

Exames confirmaram que o corpo encontrado no último sábado (15), sem documentos, em uma região de mata na MT-423, entre os municípios de Cláudia e Sinop (576 e 500 Km de Cuiabá respectivamente) é do professor universitário Francisco Moacir Pinheiro Garcia, que lecionava na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), campus Sinop. O professor estava desaparecido há dias e familiares registrado um boletim de ocorrência no início da manhã desta quinta-feira (20).

 

De acordo com informações preliminares da Polícia Militar, uma pessoa – não identificada – caçava animais na região, quando ouviu um barulho de tiro em direção a rodovia e avistou um carro fugindo. Depois de andar alguns metros, encontrou o corpo com uma perfuração de arma de fogo na nuca.

 

 

A testemunha que encontrou o corpo entrou em contato com a Polícia Militar. Militares isolaram o local indicado até a chegada dos peritos. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), de Sorriso (400 Km de Cuiabá), uma vez que as geladeiras onde os cadáveres são deixados no IML de Sinop estão estragadas.

 

A confirmação de morte de Francisco causou grande comoção nas redes sociais, internautas escreveram mensagens lamentando o ocorrido.

 

“É com muita tristeza que recebemos essa triste notícia sobre o falecimento do prof Francisco Moacir, um ser humano incrível, que sempre nos apoiou em tudo, sempre esteve presente em todos nossos momentos. Nesse momento se encontramos sem chão e sem palavras. Pedimos a Deus que te receba com muito amor e carinho. E ficará pra sempre em nossas memória o amor e o carinho que senhor tinha por cada um de nós. Descanse em paz nosso querido Professor e Amigo e obrigada por todos os momentos ao nosso lado!” escreveu uma internauta em sua página no Facebook.

 

Outra usuária da rede social escreveu. “Sem palavras, foi uma grande pessoa. O céu está em festa”.

 

A Polícia Civil está investigando o caso.

 

Divulgação

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS