close
logorovivo2

Duas explosões atingem a Maratona de Boston

Duas explosões atingem a Maratona de Boston

DA REDAÇÃO

15 de Abril de 2013 às 16:35

Duas explosões atingem a Maratona de Boston

FOTO: (Divulgação)

Boston - Duas explosões atingiram a Maratona de Boston enquanto atletas cruzavam a linha de chegada nesta segunda-feira, disseram testemunhas, ferindo pelo menos quatro pessoas num dia normalmente festivo na cidade.

O Hospital Geral de Massachusetts estava tratando quatro vítimas da explosão em seu pronto-socorro, mas informações sobre o estado de saúde delas não estavam imediatamente disponíveis, segundo uma porta-voz.

A polícia informou ter havido pelo menos uma explosão, e testemunhas citaram duas explosões, que atingiram o local onde espectadores torciam por corredores na linha de chegada.

Jornalistas no centro de mídia ouviram duas explosões.

"Houve uma explosão, policiais, bombeiros e equipes de emergência médica estão no local. Não temos indicação de quantas pessoas estão feridas", disse uma porta-voz do Departamento de Polícia de Boston.

O canadense Mike Mitchell, de Vancouver, um atleta que terminou a maratona, disse que estava olhando para trás na linha de chegada e viu uma "explosão massiva". A fumaça subiu 15 metros, disse Mitchell. As pessoas começaram a correr e gritar após ouvirem o barulho, acrescentou.

"Todo mundo está assustado", disse Mitchell.

Imagens de televisão mostraram ambulâncias, caminhões de bombeiros e dezenas de veículos policiais perto da linha de chegada.

Centenas de milhares de espectadores costumam assistir à corrida de 42,19 quilômetros, com a maioria concentrando-se na linha de chegada. As explosões ocorreram mais de cinco horas depois do início da prova, um momento em que os primeiros colocados já haviam passado, mas muitos amadores ainda estavam correndo.

A agência de trânsito isolou toda a região, citando atividade policial. Ambulâncias chegaram ao local em minutos, e atletas e espectadores choraram e se consolavam uns aos outros.

Mais cedo, um porta-voz do evento disse a jornalistas que o hotel que serve como sede da maratona foi bloqueado após a explosão e que ninguém teria permissão de sair ou entrar do prédio.

O Departamento de Polícia de Nova York aumentou a segurança nos principais marcos de Manhattan, incluindo áreas próximas de importantes hotéis, disse o vice-comissário da polícia local, Paul Browne, acrescentando que veículos de contra-terrorismo estavam sendo enviados para toda a cidade.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS