close
logorovivo2

Comunique-se - Edir Macedo quer tirar vídeos do YouTube - Confira o vídeo mais polêmico

O bispo Edir Macedo, dono da TV Record e da Igreja Universal do Reino de Deus, entrou com uma ação na justiça pedindo a retirada de vídeos do YouTube que tornariam ele e sua igreja "alvo de difamação, calúnia e injúria". >>>

DA REDAÇÃO

20 de Junho de 2008 às 12:23

Comunique-se - Edir Macedo quer tirar vídeos do YouTube - Confira o vídeo mais polêmico

FOTO: (Divulgação)

O bispo Edir Macedo, dono da TV Record e da Igreja Universal do Reino de Deus, entrou com uma ação na justiça pedindo a retirada de vídeos do YouTube que tornariam ele e sua igreja "alvo de difamação, calúnia e injúria". De acordo com a coluna da Folha de S. Paulo “Outro Canal” (disponível somente para assinantes), o principal objetivo de Macedo é retirar do ar a série de reportagens da Rede Globo exibida em 1995, que mostrava o bispo explicando a pastores como convencer fiéis da igreja a fazer doações em dinheiro. A ação corre desde fevereiro, mas será difícil retirar da internet os vídeos. No ano passado a apresentadora Daniela Cicarelli chegou a ser responsável pelo bloqueio do site YouTube, devido a um erro do Tribunal de Justiça de São Paulo. O resultado foram extensas críticas à modelo, repercussão mundial do caso e o aumento no número de vídeos disponibilizados em programas de compartilhamento de dados e enviados por e-mail. Meme O blogueiro Carlos Cardoso, dono do blog Contraditorium, referência em conteúdo online, chegou a comentar que Cicarelli tornou-se um meme, termo cunhado pelo cientista Richard Dawkings para designar blocos de informação que se multiplicam continuamente. Como resultado, o número de formas possíveis de se assistir ao vídeo aumentou ao invés de diminuir, o mesmo ocorreu com o livro do jornalista Paulo César Araújo sobre Roberto Carlos. Ao tentar retirar os vídeos do YouTube, o mesmo pode ocorrer com Macedo. Contudo, no início do mês, o líder da Igreja Universal obteve uma vitória contra o Google Inc. A justiça ordenou a retirada de comunidades no Orkut ofensivas ao bispo assim como tópicos difamatórios no site de relacionamentos. Nenhum profissional do Google pôde ser encontrado para falar sobre o assunto até o fechamento desta matéria. Assista ao polêmico vídeo

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS