close
logorovivo2

"PLANTAR RONDÔNIA": Agricultores familiares receberão apoio para regularização ambiental

Projeto Plantar Rondônia apoiará a recuperação de mais de 3000 hectares em propriedades da agricultura familiar

ASSESSORIA

24 de Julho de 2018 às 17:11

"PLANTAR RONDÔNIA": Agricultores familiares receberão apoio para regularização ambiental

FOTO: (Assessoria)

Acontecerá entre os dias 24 e 27 de julho de 2018 o lançamento do Projeto “Plantar Rondônia”. Uma iniciativa pioneira no Brasil com o intuito de apoiar o público da agricultura familiar de Rondônia no processo de regularização ambiental das propriedades rurais, através da implementação do Programa de Regularização Ambiental – PRA.

 

O Projeto “Plantar Rondônia” é realizado pelo Centro de Estudos (CES) Rioterra, em cooperação com a Ação Ecológica Guaporé - Ecoporé e Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Rondônia – Fetagro, com a parceria da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental – SEDAM e apoio financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES através do Fundo Amazônia.

 

Os eventos de lançamento acontecerão no dia 24 em Porto Velho, 26 em Ji-Paraná e 27 em Rolim de Moura. Em Porto Velho, o evento contará com a presença do Governador do Estado de Rondônia, Daniel Pereira, representantes da Sedam, Ceplac, Emater, ICMBio, dentre outras entidades parceiras do projeto. Nos demais municípios, contará com representantes locais de secretarias de Agricultura, Meio Ambiente, sindicatos rurais, associações e prefeitos.

 

Através do projeto, serão investidos R$ 28 milhões com o objetivo implementar o Programa de Regularização Ambiental – PRA em imóveis rurais com até quatro módulos fiscais, bem como realizar atividades de extensão rural para mais de 3600 famílias nos municípios de Itapuã do Oeste, Cujubim, Rio Crespo, Machadinho D`Oeste, Ariquemes, Jaru, Ouro Preto do Oeste, Ji-Paraná, Presidente Médici, Castanheiras, Novo Horizonte e Rolim de Moura.

 

Estão previstas outras ações como, apoiar tecnicamente e disponibilizar insumos para recuperação de 3.000 ha em desconformidade com o Código Florestal, capacitar mais de 600 pessoas dentre técnicos, agricultores e agricultoras nas áreas de produção sustentável e organização social e organizar 12 núcleos associativos voltados à participação e empoderamento social como meio de auxiliar a implementação do Programa de Regularização Ambiental – PRA.

 

Os municípios contemplados com o Projeto Plantar Rondônia serão beneficiados com apoios nos processos de ordenamento e gestão territorial através da disponibilização de instrumentos de planejamento, capacitação e assessoria técnica.

 

“O Projeto Plantar, será o primeiro do Brasil a levar aos agricultores oportunidades de regularização ambiental de suas propriedades de acordo com o Código Florestal. Este pioneirismo servirá de vitrine para os demais estados da federação”, comentou a presidente do CES Rioterra, Telva Maltezo.

"PLANTAR RONDÔNIA": Agricultores familiares receberão apoio para regularização ambiental

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS